Utilize este identificador para referenciar este registo: https://recil.grupolusofona.pt/handle/10437/9437
Título: O impacto do Working Capital na rentabilidade: análise de empresas vitivinícolas de Portugal, Espanha, França e Itália
Autores: Candeias, Maria Teresa Ribeiro, orient.
Ferreira, Vasco Manuel Martins
Palavras-chave: MESTRADO EM GESTÃO
GESTÃO DE EMPRESAS
GESTÃO
FUNDO DE MANEIO
RENTABILIDADE
INDÚSTRIA VINÍCOLA
BUSINESS MANAGEMENT
MANAGEMENT
WORKING CAPITAL
PROFITABILITY
WINE INDUSTRY
PORTUGAL
ESPANHA
SPAIN
ITÁLIA
ITALY
FRANÇA
FRANCE
CICLO DE CONVERSÃO DE CAIXA
CASH CONVERSION CYCLE
PORTUGAL
Data: 2019
Resumo: O Working Capital é uma ferramenta fundamental na gestão das empresas. Deloof (2003) estudou o impacto deste nas empresas da Bélgica e concluiu que existe uma relação com a rentabilidade das empresas. Lazaridis (2006) encontrou também uma relação entre o Working Capital (WCM) e a rentabilidade das empresas da Grécia. O objetivo deste estudo é encontrar a relação entre a rentabilidade das empresas vitivinícolas de Portugal, Espanha, França e Itália e a sua rentabilidade através da correlação de Pearson e de redes neuronais. Os dados foram obtidos através da base de dados europeia “Amadeus” e foram estudadas 324 empresas após a remoção de outliers. As redes neuronais são um tópico abordado cada vez mais no âmbito empresarial e é uma ferramenta que tenta encontrar a melhor forma de se prever o resultado baseando-se nas variáveis estudadas. Através deste estudo encontrou-se que existe uma correlação negativa entre o Ciclo Operacional e a rentabilidade das empresas francesas, uma correlação negativa entre o Prazo Médio de Recebimento e a rentabilidade das empresas italianas e uma correlação positiva entre o Ciclo de Conversão de Caixa e a rentabilidade das empresas portuguesas. A rede neuronal utilizada neste estudo não foi capaz de gerar uma previsão exata. No entanto, consegue prever uma tendência para as variáveis do Working Capital.
Working Capital is a key tool in business management. Deloof (2003) studied the impact of this on Belgium companies and concluded that there is a relationship with the profitability of companies. Lazaridis (2006) also found a relationship between the WCM and the profitability of Greek companies. The objective of this study is to find the relationship between the profitability of wine companies of Portugal, Spain, France and Italy and their profitability through the Pearson correlation and neural networks. The data used was obtained from the European database - “Amadeus” and 324 companies were studied after the removal of outliers. Neural networks are a topic that is increasingly addressed in the business environment and is a tool that tries to find the best way to predict the result based on the studied variables. Through this study it was found that there is a negative correlation between the Operational Cycle and the profitability of the French companies, a negative correlation between Days Sales Outstanding and the profitability of Italian companies and a positive correlation between the Cash Conversion Cycle and profitability of Portuguese companies. The neural network used in this study was not able to generate an accurate prediction. However, it can predict a trend for the Working Capital variables.
Descrição: Orientação: Maria Teresa Ribeiro Candeias
URI: http://hdl.handle.net/10437/9437
Aparece nas colecções:BIBLIOTECA - Dissertações de Mestrado
Mestrado em Gestão

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
DISSERTACAO_Vasco_versao_final.pdfDissertação de Mestrado1.76 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.