Utilize este identificador para referenciar este registo: https://recil.grupolusofona.pt/handle/10437/8438
Título: O projeto de mediação de conflitos como dispositivo de melhoria de escola
Autores: Costa, Elisabete Pinto da
Torrego, Juan
Martins, Alcina Manuela de Oliveira
Palavras-chave: Escola; Projeto de mediação de conflitos; Gestão de relações interpessoais, Melhoria da cultura de escola
MEDIAÇÃO DE CONFLITOS
PROGRAMAS DE INTERVENÇÃO
RELAÇÕES INTERPESSOAIS
ESCOLAS
GESTÃO DE CONFLITOS
CONFLICT MEDIATION
INTERVENTION PROGRAMS
INTERPERSONAL RELATIONSHIP
SCHOOLS
CONFLICT MANAGEMENT
Data: 2015
Editora: Universidade Católica do Porto
Citação: Costa, E. Pinto da; Torrego, J. & Martins, A. (2015). O projeto de mediação de conflitos como dispositivo de melhoria. Educação, Território e Desenvolvimento Humano. Atas do I Seminário Internacional, Vol. II. Porto: Universidade Católica do Porto. pp. 334-345
Resumo: Os estudos relativos à melhoria educativa centram-se nas dimensões orgânico-culturais da Escola (Fullan, 2007a), focando as condições internas educativas (Bolívar, 2012). Torna-se fundamental criar práticas que marquem a diferença e que incorporem valor aos processos existentes. Por isso, Jares (2002), Alzate, (2003) e Torrego (2006) defendem que projetos de mediação de conflitos carecem duma lógica integrada. No artigo pretende-se analisar de que forma documentos estruturantes de uma Escola integram e valoram o projeto de mediação, tendo em vista a introdução de um novo método de resolução de conflitos e de gestão das relações interpessoais. Numa abordagem qualitativa, foram analisados o projeto educativo, o regulamento interno e o relatório do gabinete de mediação de uma Escola de 2º e 3º ciclos, Território Educativo de Intervenção Prioritária. Para a análise dos dados e em função do objetivo a alcançar recorreu-se à análise de conteúdo. Os resultados permitem constatar que a mediação faz parte das estruturas, dos normativos, dos procedimentos e do quotidiano escolar. É possível implementar uma forma mais eficaz de gestão dos conflitos e das relações interpessoais, capaz de mudar a cultura organizativa e social, e de contribuir para a melhoria da Escola.
Studies related to educational improvement are centered on organizational and cultural dimensions of school (Fullan, 2007a), focusing on the educational internal conditions (Bolívar, 2012). It is essential to create practices that make the difference and incorporate value to existing processes. So, Jares (2002), Alzate (2003) and Torrego (2006) argue that conflict mediation projects lack an integrated logic. In the article we intend to analyze how the principal documents in a school integrate and recognize the mediation project, with a view to introducing a new method of conflict resolution and management of interpersonal relationships. In a qualitative approach, the educational project, the internal regulations and the report of the mediation office of a School, of 2nd and 3rd cycles, with Educational Territory of Priority Intervention, were analyzed. For the analysis of data, and depending on the objective to achieve, we used content analysis. The results show that mediation is part of structures, regulations, procedures and school everyday. It can be possible to implement a more effective way of conflict resolution and interpersonal relations management, able to change the organizational and social culture, and to contribute to improving of the school.
URI: http://hdl.handle.net/10437/8438
ISBN: ISBN 978-989-99486-0-0
Aparece nas colecções:IMULP - Atas de Conferências Internacionais
IMULP - Capítulos de Livros Nacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Projeto_Mediação_Escolar_Melhoria_de_Escola.pdf335.42 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.