Utilize este identificador para referenciar este registo: https://recil.grupolusofona.pt/handle/10437/8243
Título: Estudo das alterações dentárias em cães polícia
Autores: Requicha, João Filipe, orient.
Matos, Raquel, orient.
Macedo, Mafalda Sofia Oliveira
Palavras-chave: MESTRADO INTEGRADO EM MEDICINA VETERINÁRIA
MEDICINA VETERINÁRIA
VETERINÁRIA
CANÍDEOS
CÃES
ANIMAIS DE TRABALHO
MEDICINA DENTÁRIA
VETERINARY MEDICINE
CANIDS
DOGS
WORKING ANIMALS
DENTISTRY
Data: 2017
Resumo: Os cães polícia fazem parte de um binómio homem/cão com o tratador que os treina diariamente consoante as suas aptidões e especialidade de trabalho a que se destinam, como por exemplo, patrulhamento e ordem pública, busca e deteção de armas e estupefacientes ou de explosivos, busca e salvamento e intervenção tática. Este estudo teve como objetivo avaliar as alterações dentárias de uma população de 81 cães de trabalho do Grupo Operacional de Cinotecnia da Polícia de Segurança Pública da Unidade Especial de Polícia (GOC-PSP) em Belas (Portugal) e relacionar as alterações observadas com o tipo de trabalho do animal, com o comportamento durante o treino canino policial e com os cuidados profiláticos da doença periodontal. A avaliação das alterações estomatológico-dentárias baseou-se no exame físico geral e da cavidade oral com o animal acordado e registo das observações no odontograma. Um inquérito individual aos tratadores de cada animal foi realizado para registo do tipo de alimentação e maneio médico-veterinário, dos aspetos relacionados com o comportamento, bem-estar animal e treino e dos cuidados de saúde oral e dentária. Foram incluídos na análise 73 animais, pelo facto de sete estarem em fase de formação e um ter problemas de sociabilização. Os resultados obtidos nesta amostra populacional revelaram que a doença periodontal é a condição mais frequente em todos os indivíduos, estando o aumento da sua gravidade relacionada com a idade (p=0,001). O desgaste dentário estava presente em quase todos os animais, ao contrário das fraturas dentárias que se revelaram raras. Apesar de a maioria dos cães não ser alvo de profilaxia de doença dentária, a dentição destes animais não apresentava, de forma geral, alterações graves ou com impacto no seu bem-estar e treino. Este estudo contribui para o conhecimento da doença estomatológico-dentária numa população Portuguesa de cães de trabalho.
Police dogs are part of a human/dog pair with their handler/trainer who trains them daily according to their working skills and specialty, such as patrol and public order, search and detection of weapons and narcotics, search and detection of explosives, search and rescue and tactical intervention. The main aims of this study were to evaluate the frequency of dental abnormalities in the population of 81 working dogs of the Canine Operational Group of the Public Security Police in the Special Police Unit (GOC PSP) in Belas, and to relate the changes observed to the type of working dog, to their behaviour during training and to the prophylactic care for periodontal disease. Oral and dental alterations were assessed by physical examination and dental inspection of the awake animal, and dental chart recording. An individual survey was filled in by each dog’s handler/trainer regarding, diet and veterinary care, dog’s behaviour and welfare during training and oral and dental care. In this study 73 animals were evaluated, since 7 dogs in the first stage of training and a dog with socialization problems were all excluded. The results obtained revealed that periodontal disease is the most frequent, and its severity increases with age (p=0.001). Tooth wear is present in almost all animals, unlike dental fractures which are rare. Although most of the canine agents did not follow any type of prophylactic plan, their dentition was, in general, in good condition and without any indication of adverse effects that could impact their wellbeing and training. This study contributes to a better understanding of periodontal disease in a Portuguese working dog population.
Descrição: Orientação: João Requicha, Raquel Matos
URI: http://hdl.handle.net/10437/8243
Aparece nas colecções:BIBLIOTECA - Dissertações de Mestrado
Mestrado Integrado em Medicina Veterinária

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Temporario02.pdf53.96 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.