Utilize este identificador para referenciar este registo: https://recil.grupolusofona.pt/handle/10437/8053
Título: Mensuração da sustentabilidade a partir de informação não financeira
Autores: Pinheiro, Ricardo Miguel da Costa
Cunha, Sandra
Palavras-chave: SUSTENTABILIDADE
SUSTAINABILITY
RESPONSABILIDADE SOCIAL
SOCIAL RESPONSIBILITY
Data: 2017
Editora: CIGEST
Resumo: Atualmente, tem-se discutido se a responsabilidade e as intervenções ambientais são de dimensão não financeira ou financeira. Esta questão prende-se com a natureza dos relatórios de sustentabilidade, embora tenha impacto na posição financeira das entidades. A responsabilidade ambiental das empresas é o impacto negativo na sua envolvente. Este impacto reflete as emissões de gases com efeito de estufa. Estas emissões são tratadas em mercados financeiros. Logo, têm de ser refletidas na contabilidade das entidades. Apesar de ainda numa fase embrionária, partindo das ferramentas já criadas, o SNC e o SNC-AP, estão abertas as possibilidades para mensurar a sustentabilidade, das empresas e das entidades públicas, na contabilidade patrimonial e de gestão, e assim apoiar a tomada de decisão. Este artigo apresenta uma proposta de contabilização dos ativos ambientais, visando contribuir para a discussão prática sobre esta matéria.
URI: http://hdl.handle.net/10437/8053
ISSN: ISSN 1647-1989
Aparece nas colecções:IBER : International Business and Economics Review : Revista Internacional de Gestão e Comunicação, nº 8 (2017)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
IBER2017_13._Ricardo_Pinheiro_Sandra_Cunha(1).pdf257.94 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.