Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10437/7684
Título: A importância da informação financeira nas empresas portuguesas: o justo valor do ativo fixo tangível
Autores: Silva, Marisa
Paiva, Inna Choban de Sousa
Silva, Ana Lorga da
Palavras-chave: GESTÃO
MANAGEMENT
EMPRESAS PORTUGUESAS
PORTUGUESE COMPANIES
MERCADOS ACIONISTAS
STOCK MARKETS
Data: 2016
Editora: Edições Universitárias Lusófonas
Resumo: Motivação: A União Europeia preconizou, através do Regulamento 1606/2002, a obrigatoriedade da adoção das normas do IASB nas contas consolidadas de todas as empresas cotadas em bolsas europeias, a partir de 1 de Janeiro de 2005. A transição para as IAS/IFRS em 2005 na Europa proporciona uma oportunidade única para estudar forças e fatores explicativos das práticas contabilísticas, particularmente na adoção do justo valor. O modo de mensuração tradicionalmente adotado pelas empresas europeias, no relato financeiro, é o custo histórico, enquanto as normas do IASB apresentam-se mais próximas do critério do justo valor. Objetivo do estudo: O presente estudo investiga a importância da informação financeira para investidor, nomeadamente o justo valor nas empresas portuguesas cotadas em bolsa de valores, no que concerne aos ativos fixos tangíveis. Assumindo que as escolhas contabilísticas são influenciadas por um conjunto de variáveis e que as empresas ponderam e reconhecem a importância da informação financeira, procurou-se neste estudo identificar se a informação sobre o valor do ativo fixo tangível, endividamento, o resultado líquido e o ganho de revalorização está incorporado no preço das ações. Metodologia: O presente estudo empírico baseia-se em empresas cotadas portuguesas, incluídas na Bolsa de Valores de Lisboa, tendo sido analisado o período de 1995 a 2014. Para o efeito, utilizamos a base de dados Thomson Worldscope Database. Para identificar se a informação financeira está incorporada no preço das ações, utilizamos o modelo de avaliação de Ohlson (1995). Resultados / Contribuições: No geral, os resultados obtidos vão de encontro às nossas expectativas. Eles indicam que, tanto antes da adoção das IFRS, como após a adoção das IFRS, a informação representada no valor das ações pelas empresas, é influenciada, de modo significativo, pelo valor dos ativos, o nível de endividamento e o resultado líquido.
Descrição: R-LEGO - Revista Lusófona de Economia e Gestão das Organizações
URI: http://hdl.handle.net/10437/7684
ISSN: ISSN 2183-5845
Aparece nas colecções:R-LEGO - Revista Lusófona de Economia e Gestão das Organizações. nº 03 (2016)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
5477-1-17562-1-10-20160614.pdf635.34 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.