Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10437/6978
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorSarmento, Eduardo Morais-
dc.contributor.authorBrás, Catarina-
dc.contributor.authorOliveira, Carla Vargas de-
dc.date.accessioned2016-05-03T16:49:03Z-
dc.date.available2016-05-03T16:49:03Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.issn2183-5845-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10437/6978-
dc.descriptionR-LEGO - Revista Lusófona de Economia e Gestão das Organizaçõespt
dc.description.abstractThe behavior of tourism activity worldwide, particularly with regard to some fringe population with some degree of disability, came to redefine the opportunities for development of new tourist offers and simultaneously has imposed new challenges. This article analyzed the topic of accessibility regarding senior population that goes to the Estoril line and is hosted in five star hotels.We intend in an early stage to realize the scope of this phenomenon and assess on thelevel of care offered and in a second phase to try to conclude whether this region can be seen as a fully accessible destination.We applied several interviews complemented some questionnaires to those responsible for ten 5 star hotels situated in Estoril coast, over a period of two months in 2013.It was verified that tourism in this region is only partially accessible as it does notcover all types of disabilities and because the available resources available were not interconnected in accessible routes.en
dc.description.abstractO comportamento da actividade turística a nível mundial, nomeadamente no que respeita a algumas franjas populacionais com algum grau de deficiência, veio redefinir as oportunidades de desenvolvimento de novas ofertas turísticas e simultaneamente veio impor novos desafios. Este artigo analisou a temática da acessibilidade relativamente à população sénior que se dirige para a linha do Estoril e fica alojada nos hotéis de cinco estrelas. Pretende-se numa fase inicial perceber a dimensão deste fenómeno e aferir sobre o nível de atenção oferecido para numa segunda fase tentar concluir se esta região pode ser vista como um destino totalmente acessível. Foram aplicadas entrevistas complementadas pelo preenchimento de questionários aos responsáveis de 10 hotéis de 5 estrelas situados na linha do Estoril, durante um período de dois meses em 2013. Constatou-se que a oferta turística nesta região só é parcialmente acessível, pois não abarca todos os tipos de deficiência e porque os recursos disponibilizados não se encontram interligados entre si em rotas acessíveis.pt
dc.formatapplication/pdf-
dc.language.isoengpt
dc.publisherEdições Universitárias Lusófonaspt
dc.rightsopenAccess-
dc.subjectTURISMOpt
dc.subjectTURISMO SÉNIORpt
dc.subjectACESSIBILIDADEpt
dc.subjectCIDADÃOS COM DEFICIÊNCIApt
dc.subjectTOURISMen
dc.subjectSENIOR TOURISMen
dc.subjectACCESSIBILITYen
dc.subjectCITIZENS WITH DISABILITIESen
dc.subjectGESTÃOpt
dc.subjectMANAGEMENTen
dc.titleIssues and challenges of accessibility for senior tourism (Estoril/Portugal)en
dc.typearticlept
Aparece nas colecções:R-LEGO - Revista Lusófona de Economia e Gestão das Organizações. nº 02 (2016)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
5421-17403-1-PB (1).pdf207.42 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.