Utilize este identificador para referenciar este registo: https://recil.grupolusofona.pt/handle/10437/6906
Título: Estilos de vinculação, regulação emocional e partilha social das emoções em estudantes universitários
Autores: Camilo, Cristina, orient.
Crispim, Irina Vanessa Ribeiro
Palavras-chave: MESTRADO EM PSICOLOGIA CLÍNICA E DA SAÚDE
PSICOLOGIA
VINCULAÇÃO
ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS
EMOÇÕES
COMPORTAMENTO EMOCIONAL
COMPORTAMENTO SOCIAL
ATITUDES
AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA
TESTES PSICOLÓGICOS
EVA
QRE
QPSE
PSYCHOLOGY
ATTACHMENT
COLLEGE STUDENTS
EMOTIONS
EMOTIONAL BEHAVIOUR
SOCIAL BEHAVIOUR
ATTITUDES
PSYCHOLOGICAL ASSESSMENT
PSYCHOLOGICAL TESTS
Data: 2015
Resumo: O presente estudo teve como objetivos verificar se os estilos de vinculação são preditores utilização de estratégias relacionais na regulação emocional, em particular da partilha social das emoções e avaliar o efeito mediador das estratégias de regulação emocional, na relação estabelecida entre a vinculação e a partilha social das emoções. Foi utilizada uma amostra constituída por 310 estudantes universitários. O protocolo de avaliação foi composto por um questionário sociodemográfico e as seguintes medidas: Escala de Vinculação no Adulto, Questionário de Regulação Emocional e o Questionário de Partilha Social das Emoções, construído para este estudo. Os resultados indicaram que os indivíduos com estilos de vinculação designados por “Conforto com Proximidade” e “Confiança nos Outros” utilizam mais estratégias de reavaliação cognitiva das suas emoções e os indivíduos com um estilo de vinculação designado “Confiança nos Outros” utilizam mais estratégias de Supressão Emocional. Aqueles que apresentam estilos de vinculação designados “Ansiedade” e “Confiança nos Outros” utilizam mais estratégias ligadas ao Segredo e o estilo de vinculação “Conforto com Proximidade” está associado a estratégias ligadas às Relações Sociais e Ventilação. A Supressão Emocional possui mediação total na associação entre a “Confiança nos Outros” e a Intensidade da Partilha.
This study aimed to verify whether the binding styles are predictors use of relational strategies in emotional regulation. In particular, the social sharing of emotions and assess the mediating effect of the styles of emotional regulation, the relationship established between the binding styles and social sharing of emotions. 310 college students were used in this sample.. The assessment protocol consisted of a sociodemographic questionnaire and the following measures: Adult Attachment Scale, Emotion Regulation Questionnaire and the Social Sharing of Emotions Questionnaire, built for this study. The results indicated that individuals with attachment styles called "Comfort with Proximity" and "Trust in Others” use more Cognitive Rappraisal strategies of their emotions and individuals with a designated attachment style “Trust in Others” use more like strategies Supression Emotional. Those with designated attachment styles "Anxiety" and "Trust in Others” use more strategies than related to Secret and the “Comfort with Proximity" is associated with strategies linked to Social Relations and Ventilation. Emotional Suppression has full mediation in the association between “Trust in Others” and Intensity of Sharing.
Descrição: Orientação: Cristina Camilo
URI: http://hdl.handle.net/10437/6906
Aparece nas colecções:BIBLIOTECA - Dissertações de Mestrado
Mestrado em Psicologia Clínica e da Saúde

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese final Irina Crispim.pdfDissertação de mestrado967.77 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.