Utilize este identificador para referenciar este registo: https://recil.grupolusofona.pt/handle/10437/4625
Título: Caracterização das infeções do trato urinário de origem microbiana : casuística de um Hospital Veterinário de Lisboa
Characterization of urinary tract infections of microbial origin - material of a veterinary hospital in lisbon
Autores: Monteiro, Margarida Velez Mangerona de Amorim
Pereira, Hugo
Palavras-chave: VETERINÁRIA
SISTEMA URINÁRIO
URINARY SYSTEM
INFEÇÕES
INFECTIONS
ESTUDOS DE CASO
CASE STUDIES
ANTIBIÓTICOS
ANTIBIOTICS
CANÍDEOS
CANIDS
FELÍDEOS
FELIDS
VETERINARY MEDICINE
MEDICINA VETERINÁRIA
Data: 2014
Editora: Edições Universitárias Lusófonas
Resumo: As infeções do trato urinário (ITU’s) são doenças infeciosas frequentes na prática clínica veterinária, sendo fundamental uma correta antibioterapia, principalmente pelo crescente desenvolvimento de resistências bacterianas aos antibióticos. Realizou-se um estudo retrospetivo, englobando 86 animais admitidos no Hospital Veterinário do Restelo, submetidos a urocultura, com o objetivo de caracterizar as ITU’s microbianas neste hospital, avaliando a sua epidemiologia e suscetibilidade antibiótica das bactérias isoladas. Da totalidade das uroculturas realizadas (n=86), 28 foram positivas, 18 em canídeos e 10 em felídeos, sem predisposição racial, mais em fêmeas nos canídeos e em machos nos felídeos. A idade média dos animais com ITU foi 8 anos nos canídeos e 10 anos nos felídeos. Todas as ITU´s foram monobacterianas, sendo o microorganismo mais frequentemente isolado a Escherichia coli. Verificou-se multirresistência em 10 das 28 bactérias isoladas. A gentamicina foi o antibiótico com melhor perfil de sensibilidade global e o que apresentou mais resistências foi a tetraciclina. O antibiótico mais prescrito de forma empírica foi a enrofloxacina. Este estudo,especialmente se realizado de forma periódica, poderá ser um contributo para a elaboração de guias institucionais de antibioterapia adequada e minimização do aparecimento de resistências bacterianas.
The urinary tract infections (UTI’s) are common infectious diseases in veterinary clinical practice, being crucial a correct antibiotherapy, especially due to the increasing bacterial resistances. A retrospective study has been conducted, covering 86 animals admitted to the Veterinary Hospital of Restelo and subjected to urine culture, in a period of six months, with the aim of characterizing the bacterial UTI's in this hospital, evaluating the bacterial isolates epidemiology and its antibiotic susceptibility. Of all urine cultures performed (n=86), 28 were positive in 18 dogs and 10 in cats, without racial predisposition, more females in dogs and males in cats. In the animals with UTI average age was 8 years in dogs and 10 years in cats. All the UTI’s had only one bacteria isolated, being the most frequently microorganism isolated Escherichia coli. It was found 10 multiresistant bacteria’s in the 28 bacteria’s isolated. Gentamicin was the antibiotic with better overall sensitivity profile while tetracycline showed more resistance. Enrofloxacin was the antibiotic more prescribed empirically. This study, especially if done on a regular basis may be a contribution to the development of institutional guidelines for appropriate antibiotic therapy and minimize the emergence of bacterial resistance.
URI: http://hdl.handle.net/10437/4625
Aparece nas colecções:Revista Lusófona de Ciência e Medicina Veterinária Vol. 06 (2013)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
caraterizacao_infecoes_trato_urinario_origem_microbiana.pdf745.05 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.