Utilize este identificador para referenciar este registo: https://recil.grupolusofona.pt/handle/10437/4045
Título: “Coaching” : Influência no Desenvolvimento Pessoal e Profissional
Autores: Campos, Maria Paula Oliveira, orient.
Correia, Joana Sofia Esteves
Palavras-chave: GESTÃO
GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS
COACHING
MANAGEMENT
HUMAN RESOURCES MANAGEMENT
MESTRADO EM GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS
COACHING
DESENVOLVIMENTO PROFISSIONAL
PROFESSIONAL DEVELOPMENT
DESENVOLVIMENTO PESSOAL
PERSONAL DEVELOPMENT
Data: 2012
Resumo: Face à actual conjuntura com que o mundo organizacional se depara, com as constantes necessidades de mudança, empreendedorismo e inovação, para que as organizações possam continuar a “sobreviver” e acompanhar a competitividade necessitam de se munir em termos de novas técnicas e novas estratégias. A parte humana vem ocupando cada vez mais uma posição de destaque neste meio, pelo que uma das principais formas das organizações se conseguirem manter competitivas passa pela forte aposta no potencial humano, inovando em termos de gestão de pessoas, com vista ao seu desenvolvimento pessoal e profissional. O Coaching ocupa aqui, segundo a literatura uma posição de destaque, constituindo-se como uma ferramenta promotora do desenvolvimento de pessoas, com vista ao sucesso organizacional. Mas será que efectivamente os processos de Coaching contribuem para o desenvolvimento pessoal e profissional, possibilitando melhorar a performance dos indivíduos? É nesta premissa que a presente investigação se baseia, pois visa através do método da entrevista e da técnica da análise de conteúdo identificar um conjunto de indicadores que possam comprová-la. O grupo alvo inclui um conjunto de indivíduos que já tenham beneficiado de algum dos tipos de processo de Coaching. Com a investigação empírica da presente investigação conclui-se que, efectivamente, os processos de Coaching se apresentam como uma ferramenta de desenvolvimento pessoal e profissional com impacto e influência em vários níveis e áreas do indivíduo.
Given the current situation that the organizational world is facing, the constant changing needs, so that entrepreneurship and innovation organizations can continue to "survive" and follow the competitiveness, the preparation needed in terms of new techniques and new strategies. Human part is occupying an increasingly prominent position in this way, one of the main forms of organizations so they can remain competitive , is by strongly invest in human potential, innovating in terms of people management, with a view to their personal development and professional. Coaching holds here, according to the literature, a prominent position. Constituting themselves as a tool promoting the development of people with a view to organizational success. But is it actually the processes of Coaching that contribute to a personal and professional development, enabling individuals to improve performance? It is on this permit that this research is based, it aims through the interview method and technique of content analysis, to identify a set of indicators that can prove it. The target group includes a number of individuals who have already benefited some types of Coaching process. With the empirical investigation of this research we can conclude that indeed Coaching processes are presented as a tool for personal and professional development with impact and influence on various levels and areas of the individual.
Descrição: Orientação: Maria Paula Oliveira Campos
URI: http://hdl.handle.net/10437/4045
Aparece nas colecções:BIBLIOTECA - Dissertações de Mestrado
Mestrado em Gestão de Recursos Humanos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese Joana Correia.pdf1.24 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.