Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10437/11902
Título: Liderança e inteligência emocional no coaching organizacional
Autores: Magalhães, Carla Marisa Rebelo, orient.
Fernandes, António Manuel da Costa
Palavras-chave: MESTRADO EM GESTÃO
GESTÃO
COACHING
LIDERANÇA
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL
MANAGEMENT
COACHING
LEADERSHIP
EMOTIONAL INTELLIGENCE
Data: 2020
Resumo: No mundo globalizado de hoje ocorrem várias mudanças, aumentando cada vez mais a competitividade no mercado e entre as organizações, exigindo novas estratégias de inovação. Tendo em conta a crescente informatização dos processos organizacionais e a sua disseminação pelo mercado, a grande distinção entre empresas encontra-se nos seus recursos humanos e no que eles são capazes de criar. Pode dizer-se, deste modo, que os recursos humanos são o principal ativo das empresas de hoje. Para desenvolver e potenciar as competências dos seus recursos, cada vez mais organizações recorrem a estratégias de coaching, sendo que o principal objetivo deste trabalho é perceber de que forma a liderança e inteligência emocional influenciam esta estratégia. Recorrendo a uma metodologia quantitativa e tendo-se aplicado um questionário a 41 pessoas, através do Google Forms, conclui-se que o coaching se relaciona com o novo paradigma da liderança participativa, em que os líderes se encontram comprometidos com as pessoas e com os resultados organizacionais. No caso da Inteligência Emocional, nomeadamente, ao nível do controlo emocional, esta revela-se uma ferramenta essencial para um processo de coaching bem sucedido.
In today's globalized world, several changes occur, varying more and more in the market and between organizations, requiring new innovation strategies. In view of the growing information on organizational processes and their dissemination in the market, a great distinction between companies is found in their human resources and in what they are not able to create. In this way, it can be said that human resources are the main asset of today's companies. In order to develop and enhance the skills of their resources, more and more companies search for coaching strategies, being the main objective of this work, understand how leadership and emotional intelligence influence this strategy. Using a quantitative methodology and applying a questionnaire to 41 people through Google Forms, we conclude that coaching is related to the new paradigm of participatory leadership, in which leaders are committed to people and to organizational results. Emotional Intelligence, namely, or emotional control, proves to be an essential tool for a successful coaching process.
Descrição: Orientação: Carla MarIsa Rebelo de Magalhães
URI: http://hdl.handle.net/10437/11902
Aparece nas colecções:Biblioteca - Dissertações de Mestrado
Mestrado em Gestão

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Liderança e Inteligência Emocional no Coaching O.pdfDissertação de Mestrado4.41 MBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.