Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10437/10331
Título: Suporte social e bem-estar subjetivo : o papel de Fontes In-Person e Online
Autores: Ferreira, Célia Isabel Lima, orient.
Carvalhal, Rosa Maria da Silva Sousa Oliveira
Palavras-chave: MESTRADO EM PSICOLOGIA CLÍNICA E DA SAÚDE
PSICOLOGIA
PSICOLOGIA CLÍNICA
PSICOLOGIA DA SAÚDE
BEM-ESTAR
SATISFAÇÃO COM A VIDA
PSYCHOLOGY
CLINICAL PSYCHOLOGY
HEALTH PSYCHOLOGY
WELLNESS
LIFE SATISFACTION
Data: 2019
Resumo: O presente estudo pretende ultrapassar algumas das principais lacunas da literatura, sobre o suporte social online, no contexto do bem-estar subjetivo e mais especificamente, na satisfação com a vida. Como objetivos, pretendeu-se alcançar a associação entre suporte social (in-person e on-line) e Bem-Estar Subjetivo (BES). Considerando como indicador específico a satisfação com a vida, bem como, testar o papel preditor dos dois tipos de suporte social, ao nível do Bem-estar subjetivo (BES). Como método, usou-se um questionário socio demográfico, as escalas de Suporte Social Online (ESSO); multidimensional de Suporte Social Percebido (MPSSP) e Escala de Satisfação com a Vida (SWLS). Uma amostra de 165 participantes, todos utilizadores da internet e maiores de 18 anos. Os resultados evidenciaram, que homens e mulheres não se distinguem nas escalas, relativas ao suporte social (In-Person e Online; MSPSS, ESSO) e bem-estar subjetivo (SWLS), contrariamente, as mulheres demonstram maior Estima/Apoio Emocional online. Existe uma associação estatisticamente positiva, entre o bem-estar e o suporte social (online/in-person), bem como, que níveis inferiores de suporte informacional online e níveis superiores de suporte instrumental online, predizem níveis superiores de bem-estar subjetivo. Concluiu-se que, o suporte social (in-person/online) desempenham um papel importante, na satisfação com a vida do sujeito, assim como um bem-estar subjetivo e promove as relações sociais.
The present study aims to overcome some of the main gaps in the literature about online social support in the context of subjective well-being and more specifically in life satisfaction. The objectives were to achieve the association between social support (in-persone and online) and Subjective Welfare (BES). Considering life satisfaction as a specific indicator, as well as testing the predictive role of the two types of social support, at the level of subjective wellbeing (BES). As a method, we used a socio demographic questionnaire, the Online Social Support (ESSO) scales; Perceived Social Support (MPSSP) and Life Satisfaction Scale (SWLS). A sample of 165 participants, all internet users and over 18 years old. The results showed that men and women are not distinguished in the scales related to social support (in-Person and Online; MSPSS, ESSO) and subjective well-being (SWLS), in contrast, women show higher Estimation / Emotional Support online. There is a statistically positive association between well-being and social support (online / in-Person), as well as lower levels of online informational support and higher levels of online instrumental support predicting higher levels of subjective well-being. It was concluded that social support (in-Person / online) play an important role in the satisfaction with the subject's life, as well as a subjective well-being and promotes social relations.
Descrição: Orientação: Célia Isabel Lima Ferreira
URI: http://hdl.handle.net/10437/10331
Aparece nas colecções:Biblioteca - Dissertações de Mestrado
Mestrado Em Psicologia Clínica e da Saúde

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Temporario02.pdfDissertação de Mestrado53.96 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.