Utilize este identificador para referenciar este registo: https://recil.grupolusofona.pt/handle/10437/10165
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorFaustino-Rocha, A.
dc.contributor.authorAlvarado, A.
dc.contributor.authorOliveira, P.
dc.date.accessioned2020-03-12T21:08:44Z
dc.date.available2020-03-12T21:08:44Z
dc.date.issued2020
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10437/10165
dc.descriptionRevista lusófona de ciência e medicina veterináriapt
dc.description.abstractOs animais têm sido usados desde há muitos anos na pesquisa biomédica, para estudar e compreender diversos aspetos das doenças, nomeadamente a sua etiologia, patogenia, progressão, base molecular e genética, e testar novos tratamentos. O rato e o murganho são os animais mais frequentemente utilizados na Europa como modelos de doença. O cancro é a principal causa de morte em todo o mundo. O nosso grupo de investigação tem usado o rato como modelo para o estudo de alguns dos tipos de cancro mais frequentes, como o cancro da mama e da próstata, contribuindo para um melhor conhecimento do desenvolvimento e progressão desta doença, e para o desenvolvimento de novas estratégias terapêuticas mais eficazes, que possam melhorar a qualidade de vida e aumentar a sobrevivência dos doentes oncológicos.pt
dc.description.abstractSince early times, animals have been used in biomedical research for the study and understanding of several aspects of diseases, namely their etiology, pathogenesis, molecular and genetic basis, and to develop and test new therapies. The rat and mouse are the animals most frequently used as models in Europe. Cancer is the main cause of death worldwide. Our research team has used the rat as model to study some of the most frequent types of cancer, such as breast and prostate cancer, contributing for a better understanding of the development and progression of this disease, and for the development of more efficient therapies that may improve the quality of life and lifespan of oncologic patients.en
dc.formatapplication/pdf
dc.language.isoporpt
dc.publisherEdições Universitárias Lusófonaspt
dc.rightsopenAccess
dc.subjectVETERINÁRIApt
dc.subjectMEDICINA VETERINÁRIApt
dc.subjectMAMApt
dc.subjectONCOLOGIApt
dc.subjectPRÓSTATApt
dc.subjectMAMÍFEROS ROEDORESpt
dc.subjectINVESTIGAÇÃO CIENTÍFICApt
dc.subjectBIOMEDICINApt
dc.subjectEXPERIÊNCIAS COM ANIMAISpt
dc.subjectVETERINARY MEDICINEen
dc.subjectBREASTen
dc.subjectONCOLOGYen
dc.subjectPROSTATEen
dc.subjectRODENTSen
dc.subjectSCIENTIFIC RESEARCHen
dc.subjectBIOMEDICINEen
dc.subjectANIMAL TESTINGen
dc.titleO papel do rato na investigação biomédicapt
dc.titleThe role of rat in biomedical researchen
dc.typearticlept
Aparece nas colecções:Revista Lusófona de Ciência e Medicina Veterinária Vol. 10 (2020)

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
7011-Texto do artigo-20346-1-10-20200127.pdfArtigo437.39 kBAdobe PDFVer/Abrir


Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.