Novas representações 3D “ativas” da biomecânica cutânea

DSpace/Manakin Repository

Novas representações 3D “ativas” da biomecânica cutânea

Show full item record

Title: Novas representações 3D “ativas” da biomecânica cutânea;
Novel 3D “active” representations of skin biomechanics
Author: Silva, Henrique; Rego, Francisco F. C.; Rosado, Catarina; Rodrigues, L Monteiro
Abstract: A pele apresenta propriedades biomecânicas únicas que permitem a realização de movimentos corporais sem restrições sem sofrer rutura. Vários equipamentos têm sido usados para quantificar as propriedades biomecânicas, no entanto as técnicas não têm em conta esta capacidade multidirecional, permitindo apenas medições em alguns ângulos. O CutiScan® é um novo equipamento que quantifica a elasticidade cutânea ao longo de 360°. Utiliza um método de sucção que induz deformação cutânea e uma câmara que quantifica a sua distensão. Este trabalho tem como objetivo avaliar estas propriedades através da análise de representações 3D tempo-ângulo-altura de distensão. 20 voluntários do sexo feminino (37.0 ± 18.7 anos de idade) participaram neste estudo após consentimento informado, agrupados por idades em Grupo 1 (22.0 ± 1.3 anos) e Grupo 2 (52.0 ± 13.7 anos). O perfil mecânico in vivo de cada voluntária foi avaliado na fronte, antebraço e na perna. Foram encontrados valores significativamente mais elevados de área de superfície e volume sob a superfície na fronte das voluntárias do Grupo 2. Foram também encontradas diferenças significativas entre a fronte e o antebraço e entre a fronte e a perna dentro de cada grupo, Estes resultados sugerem que estas representações 3D são úteis para distinguir o perfil viscoelástico de indivíduos de diferentes idades e de diferentes zonas da pele.Skin exhibits unique biomechanical properties that enable unrestricted body movements without tearing. Several devices have been used to quantify skin mechanical properties, but techniques, in general, do not concern this multidirectional capacity, only allowing measurements in a few angles. CutiScan® is a new device that quantifies skin elasticity over 360°. It uses a suction method to induce skin deformation and a video camera to quantify its displacement. This work aims to assess these properties through the analysis of 3D time-angle-height of displacement representations. 20 female subjects (37.0 ± 18.7 years old) were enrolled in this study after informed consent, grouped by age in group 1 (22.0 ± 1.3 years old), and group 2 (52.0 ± 13.7 years old). The in vivo mechanical profile of each volunteer was assessed in the forehead, forearm and in the leg. Significantly higher surface area and volume under the curve values were found in the forehead of the subjects of group 2. Significant differences were also found between the forehead and forearm and between the forehead and leg among each group. These results suggest that these 3D representations are useful in distinguishing the viscoelastic profile of differently aged subjects and of different skin sites.
Description: Biomedical and biopharmaceutical research : jornal de investigação biomédica e biofarmacêutica.
URI: http://hdl.handle.net/10437/9995
Date: 2016


Files in this item

Files Size Format View Description
art6.pdf 900.7Kb PDF View/Open Artigo

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account