Estudo retrospetivo de 29 cavalos com lesões ecográficas da face palmar e plantar da canela

DSpace/Manakin Repository

Estudo retrospetivo de 29 cavalos com lesões ecográficas da face palmar e plantar da canela

Show full item record

Title: Estudo retrospetivo de 29 cavalos com lesões ecográficas da face palmar e plantar da canela
Author: Filipe, Maria Leonor Mexia de Almeida Quadrado
Abstract: Lesões da face palmar e plantar da canela são frequentes em Medicina de Equinos, causando perda de performance e económica. O objetivo deste estudo foi analisar 29 casos de cavalos com lesões ligamentosas e tendinosas das faces palmar ou plantar da canela e correlacionar os dados obtidos com indicadores desportivos. Foram incluídos cavalos com sinais clínicos de lesão de tecidos moles palmar ou plantar e com lesão ecográfica. Os registos clínicos, tempos de reabilitação e pós-reabilitação e de regresso à competição foram analisados. Das correlações entre os registos clínicos e os indicadores desportivos, apenas foi detetada diferença significativa nas 3 seguintes variáveis: os cavalos analisados em Espanha tiveram 2,78 meses de tempo de treino pós-reabilitação, e 1,53 em Portugal; os cavalos com claudicação tiveram 5,11 meses de tempo de reabilitação, enquanto que os cavalos sem claudicação tiveram 3, os cavalos com reabilitação exclusiva a campo tiveram um tempo de regresso à competição de 9,67 meses de tempo de regresso à competição e os com reabilitação por trabalho gradual tiveram 6,09. A pequena dimensão da amostra e a ausência de distribuição normal dos resultados podem justificar a ausência de outras relações significativas entre os dados clínicos e os indicadores desportivos.Lesions of the palmar and plantar face of the cannon bone are frequent in equine medicine, causing loss of performance and economic. The objective of this study was to analyze 29 cases of horses with ligamentous and tendon lesions of the palmar or plantar faces of the cannon bone and to correlate the data obtained with sports indicators. Horses with clinical signs of palmar or plantar soft tissue lesion and with ultrasound lesion were included. Clinical records, rehabilitation and post-rehabilitation and return times were analyzed. From the correlations between the clinical records and the sports indicators, only a significant difference was detected in the following 3 variables: the horses analyzed in Spain had 2.78 months of post-rehabilitation training time, and 1.53 in Portugal; horses with claudication had 5.11 months of rehabilitation time, while horses without claudication had 3, horses with exclusive rehab in the field had a time of return to competition of 9.67 months and with rehabilitation with gradual work had 6.09. The small size of the sample and the absence of normal distribution of results may justify the absence of other significant relationships between clinical data and sports indicators.
Description: Orientação: Manuel Pequito ; co-orientação: Pedro Pinto Bravo
URI: http://hdl.handle.net/10437/8754
Date: 2018


Files in this item

Files Size Format View Description
Tese após ap.Final com júri.pdf 1.632Mb PDF View/Open Dissertação de mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account