Língua escrita e modelos de aprendizagem na educação infantil

DSpace/Manakin Repository

Língua escrita e modelos de aprendizagem na educação infantil

Show full item record

Title: Língua escrita e modelos de aprendizagem na educação infantil
Author: Pachêco, Márcia Henrique
Abstract: O estudo investigativo que se apresenta tem por finalidade analisar em que medida a aplicação contextualizada de modelos teóricos de aprendizagem da Língua escrita, por professores de Educação Infantil, potencia a aquisição e o aperfeiçoamento, pelos alunos, de competências de leitura e escrita e a qualidade do ensino e da aprendizagem, em Língua Portuguesa. Focalizámos o nosso estudo na linguagem escrita e modelos de aprendizagem na Educação Infantil. Em ajuste com a leitura e escrita, e tendo em conta a avaliação dos níveis de escrita, desenvolvidos em três avaliações, concretizamos o nosso estudo de caso, ancorado na competência dos professores da Educação Infantil. A averiguação decorreu numa Escola Municipal de Educação Infantil de Itambé – PE e recorreu a diversas fontes de evidência, quer com alunos, quer com professores, utilizando uma metodologia mista. A análise qualitativa (após entrevista) do discurso escrito foi complementada com procedimentos quantitativos (ficha de registro). A entrevista focalizou-se na leitura e na escrita, na Educação Infantil. Na ficha de registro, aplicada aos alunos, pretendemos investigar as preferências de leitura e escrita. De acordo com os resultados do estudo, constata-se uma valorização do trabalho colaborativo entre docentes, tanto ao nível da intervenção didática, quanto na concretização de projetos de leitura, de turma e de Escola, na tentativa de levar as crianças à apropriação do Nível Alfabético (NA) e à descoberta do prazer de ler. Todavia, é evidente que ainda há muito a ajustar, quanto à participação ativa dos pais na vida escolar dos filhos, e ainda no que se refere à afetividade, ao diálogo e a mais colaboração entre alunos, pais e professores.The investigative study presented here is intended to analyze in what extent the contextualized application of theoretical models of language literacy, by teachers of Early Childhood Education, enhances the acquisition and improvement, by students, of reading and writing skills and the quality of teaching and learning, in Portuguese. We focus our study on the written language and learning models in kindergarten. In setting with reading and writing, as well as the evaluation of written levels, developed in three assessments, we developped our case study, anchored in the competence of teachers of early childhood education. The investigation took place in a Municipal School of Education Child of Itambé – PE, using various sources of evidence, related with students and teachers, using a mixed methodology. Qualitative analysis of the written speech (interview) was complemented with quantitative procedures (registration form). The interview focused in reading and writing, concerning children’s education. On the registration form, applied to the students, we investigated their reading and writing preferences and habbits. The study clearly confirmed the collaborative work between teachers, both in the didactic intervention as in the realization of reading class and school projects, in an attempt to take the kids to the appropriation of the Alphabetical level ( NA) and to discover the pleasure of reading. However, much remains to be adjusted, such as a more active participation of parents in the school life of their children, and with regard to affection, dialogue and more collaboration between students, parents and teachers.
Description: Orientação : Maria de Nazaré Castro Trigo Coimbra
URI: http://hdl.handle.net/10437/6273
Date: 2014


Files in this item

Files Size Format View
Márcia Henrique Pacheco.pdf 993.2Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account