The wavelet transform as a tool for the characterization of the vascular response in the human lower limb

DSpace/Manakin Repository

The wavelet transform as a tool for the characterization of the vascular response in the human lower limb

Apresentar o registro completo

Título: The wavelet transform as a tool for the characterization of the vascular response in the human lower limb;
A transformada de wavelet como uma ferramenta para a caracterização da resposta vascular no membro inferior humano
Autor: Silva, Henrique; Ferreira, Hugo A.; Bujan, Maria Julia; Rodrigues, L. Monteiro
Resumo: Nos últimos anos, a microcirculação cutânea ganhou considerável interesse para a avaliação dos mecanismos de função e disfunção da microcirculação. A FLD é uma tecnologia não invasiva e amplamente utilizada para estudar a microcirculação. Fornece um sinal complexo que pode ser decomposto por análise de ôndula em vários componentes em intervalos de frequência característicos. Estas estão relacionadas com a atividade cardíaca (de 0,6 Hz a 2 Hz), respiratória (de 0,15 Hz a 0,6 Hz), atividade miogénica na parede do vaso (de 0,052 Hz a 0,15Hz), atividade simpática (de 0,021 Hz a 0,052 Hz) e atividade endotelial (mediada por óxido nítrico) (de 0,0095 Hz a 0,021 Hz). Um grupo de 30 indivíduos saudáveis ,(22,3 ± 3,1) anos), dando previamente o seu consentimento informado, testou dois protocolos de restrição de perfusão que nos permitiu estudar a resposta circulatória no membro inferior (1) elevação passiva da perna a partir da posição supina durante 10 minutos; (2) oclusão com manga insuflável ao nível do tornozelo durante 3 minutos a partir da posição sentada. O sinal LDF foi decomposto usando um modelo de ôndula de Morlet. A análise dos dados revelou amplitudes das componentes significativamente mais baixas para ambos os protocolos durante a provocação, com valores consistentemente mais baixos para o protocolo 1 em relação ao protocolo 2. Diferenças significativas de género foram encontradas para o protocolo 1, mas não para o protocolo 2. Estes resultados demonstram a utilidade da análise de ôndula para avaliar cada componente do sinal de FLD, como parte da resposta fisiológica na regulação da microcirculação do membro inferior.In recent years, cutaneous microcirculation gained considerable interest for the assessment of microcirculation function and dysfunction mechanisms. Laser Doppler Flowmetry (LDF) is a noninvasive and widely employed technology to study microcirculation. It provides a complex signal that may be decomposed by wavelet analysis into several components at characteristic frequency ranges. These are related to the heart (0.6 Hz to 2 Hz), respiration (0.15 Hz to 0.6 Hz), myogenic activity in the vessel wall (0.052 Hz to 0.15 Hz), sympathetic activity (0.021 Hz to 0.052 Hz) and endothelial (nitric oxide-mediated) activity (0.0095 Hz to 0.021 Hz). A group of 30 healthy (22.3 ± 3.1) years old subjects , giving previously informed consent, tested two perfusion-restricting protocols which allowed us to study the circulatory response in the lower limb: (1) passive leg elevation from the supine position for 10 minutes, (2) inflated cuff occlusion at the ankle level for 3 minutes from the sitting position. The LDF signal was partitioned using a Morlet wavelet model. Data analysis revealed significantly lower components’ amplitudes for both protocols during provocation, with consistently lower values for protocol 1 in relation to protocol 2. Significant gender differences were found for protocol 1 but not for protocol 2. These results demonstrate the usefulness of the wavelet analysis to assess each LDF signal component as part of the physiological response to the lower limb microcirculation regulation.
URI: http://hdl.handle.net/10437/5508
Data: 2014


Arquivos neste Item

Arquivos Tamanho Formato Visualizar
wavelet_transform_tool_characterization.pdf 534.8Kb PDF Visualizar/Abrir

Este Item aparece na(s) seguinte(s) Coleção(ções)

Apresentar o registro completo

Todo o Repositório


Pesquisa Avançada

Visualizar

Minha conta