A qualidade da motivação dos professores e as estratégias usadas nas aulas de educação física

DSpace/Manakin Repository

A qualidade da motivação dos professores e as estratégias usadas nas aulas de educação física

Show simple item record

dc.contributor.advisor Veloso, Susana, orient. pt
dc.contributor.author Covelo, Inês João Figueira
dc.date.accessioned 2014-08-25T15:26:44Z
dc.date.available 2014-08-25T15:26:44Z
dc.date.issued 2013
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/10437/5440
dc.description Orientação: Susana Veloso pt
dc.description.abstract Melhorar a motivação dos alunos é um dos objetivos da Educação Física, e é através da utilização de estratégias motivacionais que o professor, peça fundamental, pode conduzir os seus alunos a esse objetivo. O objectivo deste estudo foi, assente na Teoria da Auto Determinação (TAD, Deci & Ryan, 2000), analisar a perceção da utilização das estratégias motivacionais por parte dos professores e sua relação com a qualidade da motivação para o trabalho de docência. O estudo teve a participação de 135 professores (16 estagiário e 117 não estagiários) de diferentes escolas da região de Lisboa, onde estavam a lecionar professores estagiários do curso de Educação Física nos Ensinos Básico e Secundário da ULHT. Para a recolha de dados foi utilizado o Questionário de Ensino como Contexto Social (EContUti - Teaching as a Social Context Questionnaire) e a Escala de Regulações Motivacionais para o Trabalho (ERMT). Os resultados revelaram que existe uma associação entre a qualidade da motivação dos professores e a sua perceção da utilização das estratégias motivacionais sendo que, quanto mais a motivação é autónoma (motivação intrínseca e regulação identificada), maior é a perceção da utilização das três estratégias motivacionais (Envolvimento, Estrutura e Suporto à Autonomia). Revelaram ainda que os professores estagiários têm uma motivação mais autónoma (motivação intrínseca e uma regulação identificada) do que os professores não estagiários. Desta forma, podemos concluir que a perceção da utilização das três estratégias motivacionais está positivamente associada à motivação autónoma, isto quer dizer que quanto mais prazer e a importância que os professores sentem no seu trabalho, maior é a sua perceção da utilização das três estratégias motivacionais. Relativamente à experiência profissional, concluímos que são os professores estagiários, com menos experiência profissional, os que mais reconhecem os valores, associados à sua profissão, que os levam a cumprir os seus objetivos (regulação identificada) e têm mais prazer e interesse pela sua atividade profissional (motivação intrínseca). pt
dc.description.abstract Improve student motivation is one of the objectives of physical education, and it is through the use of motivational strategies that the teacher, keystone, can lead their students to that goal . The aim of this study was, based on Self Determination Theory (SDT , Deci & Ryan , 2000) , to analyze the perception of the use of motivational strategies by teachers and their relationship with the quality of the motivation for the work of teaching. The study had the participation of 135 teachers (16 trainees and 117 not trainees) from different schools in the Lisbon area, where there were trainee teachers teaching the course in Physical Education in Primary and Secondary Education ULHT. For data collection it was used the questionnaire as Social Context of Education (EContUti) and the Scale Settings Motivation to Work (ERMT). The results revealed that there is an association between the quality of teachers' motivation and their perceptions of the use of motivational strategies meaning that the more the motivation is autonomous (intrinsic motivation and identified regulation), the greater the perception of the use of the three motivational strategies (involvement, structure, and I bear the Autonomy). The results also revealed that trainee teachers have a more autonomous motivation (intrinsic motivation and identified regulation) than non trainee teachers. In this way, we may conclude that the perception of the use of the three motivational strategies are positively associated with autonomous motivation, meaning that the more pleasure and importance teachers feel in their work, the greater it is his perception of the use of the three motivational strategies. Regarding professional experience, we conclude that the trainees, with less professional experience, are the teachers who most recognize the values associated with their profession, leading them to meet their goals (identified regulation) and that they are the ones who have more pleasure and interest in their professional activity (intrinsic motivation). en
dc.format application/pdf
dc.language.iso por pt
dc.rights closedAccess
dc.subject DESPORTO pt
dc.subject PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA pt
dc.subject MOTIVAÇÃO PROFISSIONAL pt
dc.subject SPORT en
dc.subject PHYSICAL EDUCATION TEACHERS en
dc.subject PROFESSIONAL MOTIVATION en
dc.subject TEORIA DA AUTODETERMINAÇÃO pt
dc.subject EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL pt
dc.subject SELF-DETERMINATION THEORY en
dc.subject PROFESSIONAL EXPERIENCE en
dc.subject MESTRADO EM ENSINO DA EDUCAÇÃO FÍSICA NOS ENS. BÁSICO E SECUNDÁRIO pt
dc.title A qualidade da motivação dos professores e as estratégias usadas nas aulas de educação física pt
dc.type masterThesis pt
dc.identifier.tid 201269783


Files in this item

Files Size Format View
Temporario.pdf 12.34Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account