Tratamento documental dos manuscritos da "secção photographica" da "Direcção Geral dos Trabalhos Geodesicos, Topographicos, Hydrographicos e Geologicos do Reino" (séc. XIX)

DSpace/Manakin Repository

Tratamento documental dos manuscritos da "secção photographica" da "Direcção Geral dos Trabalhos Geodesicos, Topographicos, Hydrographicos e Geologicos do Reino" (séc. XIX)

Show full item record

Title: Tratamento documental dos manuscritos da "secção photographica" da "Direcção Geral dos Trabalhos Geodesicos, Topographicos, Hydrographicos e Geologicos do Reino" (séc. XIX)
Author: Dias, Maria da Piedade Escudeiro
Abstract: O desenvolvimento desta dissertação tem como objeto de estudo a organização e o tratamento de um conjunto de documentos textuais, manuscritos, datados do século XIX, testemunhos valiosos da época áurea da cartografia portuguesa, caracterizada por notáveis avanços tecnológicos e científicos no universo da informação geográfica, mais concretamente na área da reprodução do território nacional e com assinalável impacto a nível internacional. Os manuscritos, espécimes que integram o património documental do século XIX herdado pela recentemente criada Direção-Geral do Território, através de um dos organismos que lhe deram origem, o Instituto Geográfico Português, fazem parte do espólio da “Secção Photographica” (mais tarde designada por Secção Artística), estrutura orgânica criada em 1872 e instalada na “Direcção Geral dos Trabalhos Geodesicos, Topographicos, Hydrographicos e Geologicos do Reino”, organismo dirigido nessa data por Filipe Folque, reconhecido como “o grande impulsionador” da precisão e do rigor científico na cartografia terrestre. A “Secção Photographica”, chefiada pelo cientista José Júlio Rodrigues, destacou-se pela “revolução” nos procedimentos e práticas de trabalho, com a aplicação da fotografia, como método científico, na reprodução de cartas geográficas. O desenvolvimento do presente trabalho de investigação incidiu, numa primera fase, na pesquisa de diversas fontes históricas e recursos documentais e de informação disponíveis sobre a memória da instituição visada, que possibilitou o seu enquadramento histórico e institucional e, simultaneamente, permitou a recolha e seleção de dados relevantes para o conhecimento da história e estrutura administrativa da “Secção Photographica”, dotada de autonomia e especificidades próprias. Numa segunda fase, foram efetuados estudos que contemplaram a identificação, constituição e análise do acervo da Secção Photographica”, para numa perspetiva geral adquirirmos conhecimento do património documental, museológico e bibliográfico e, em particular, operacionalizarmos o objeto desta dissertação, consubstanciado no tratamento de um conjunto de documentos (com produção de instrumentos de pesquisa, que pelo seu valor histórico, científico e cultural, importa preservar e disponibilizar. The object of study of this dissertation is the organization and the treatment of a collection of textual documents, manuscripts, from the nineteenth century, valuable testemonies os the golden age of the Portuguese cartography, characterized by remarkable breakthroughs in technology and science in the universe of geographical information, namely the reproduction of the national territory, with a significant impact on an international level. The manuscripts, that integrate the patrimony inherited by the newly created Direção- Geral do Território (DGT), through one of the institutions that were in its origin, the Instituto Geográfico Português (IGP), are part of a set of manuscripts from the “Secção Photographica” (later named Secção Arstística), organical structure created in 1872 by the “Direcção Geral dos Trabalhos Geodesicos, Topographicos, Hydrographicos e Geologicos do Reino”, an institution directed at the time by Filipe Folque, known as “the great booster” of precision and scientific rigor in terrestrial cartography. The “Secção Photographica”, leaded by the scientist José Júlio Rodrigues, stood out for the “revolution” on procedures and work practices, with the use of photography, as a scientific method, in the reproduction of geographical maps. The development of the present work integrated, in a primary phase, the research of several sources and documental and information resources about the memory of the institution, providing an historical and institutional framework and, at the same time, the collection and selection of relevant data to the knowledge of the history and the administrative structures of the “Secção Photographica”, that had a singular autonomy and specificities. In a second phase, studies were developed on the identification, constitution and analysis of the “Secção Photographica” collection to know on a general perspective the documental, museological and bibliographical patrimony and to operationalize the object of this dissertation, based on the documental treatment (producing instruments of research) of a set of documents, that need to be preserved and available to the general public, for their historical, scientific and cultural value.
Description: Orientação: Pedro Maximino
URI: http://hdl.handle.net/10437/5422
Date: 2013


Files in this item

Files Size Format View
Temporario.pdf 12.34Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account