Entre a cidade e a floresta: dissidência e anuência em The Scarlet Letter

DSpace/Manakin Repository

Entre a cidade e a floresta: dissidência e anuência em The Scarlet Letter

Show simple item record

dc.contributor.author Lima, Joana
dc.date.accessioned 2014-01-31T16:24:37Z
dc.date.available 2014-01-31T16:24:37Z
dc.date.issued 2012
dc.identifier.issn 1646-3730
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/10437/4616
dc.description.abstract Este artigo propõe uma leitura do romance The Scarlet Letter, de Nathaniel Hawthorne, enquanto viagem pelo espaço físico e ideológico norte-americano, através de uma análise dos diferentes momentos do percurso da letra A bordada por Hester Prynne. Movendo-se entre a cidade e a floresta, a personagem assume a sua individualidade e o desejo de afastamento da América puritana, mas, simultaneamente, ao longo da narrativa, percebe-se que a sua rebeldia é diluída num espírito comunitário e ideológico e que a letra A acaba por assumir aquele que provavelmente será o seu maior significado – a América. Esta leitura será feita juntamente com a análise dos artigos: “How the Puritans won the American Revolution” e “The Rites of Assent: Rhetoric, Ritual and the Ideology of American Consensus”, de Sacvan Bercovitch. pt
dc.format application/pdf
dc.language.iso por pt
dc.publisher Edições Universitárias Lusófonas pt
dc.rights openAccess
dc.subject LITERATURA NORTE-AMERICANA pt
dc.subject NORTH AMERICAN LITERATURE pt
dc.subject ANÁLISE LITERÁRIA pt
dc.subject LITERARY ANALYSIS pt
dc.title Entre a cidade e a floresta: dissidência e anuência em The Scarlet Letter pt
dc.type article pt


Files in this item

Files Size Format View
entre_a_cidade_e_a_floresta.pdf 393.6Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account