Educação ambiental na escola : percepções / concepções dos atores pertencentes a esse cenário

DSpace/Manakin Repository

Educação ambiental na escola : percepções / concepções dos atores pertencentes a esse cenário

Show full item record

Title: Educação ambiental na escola : percepções / concepções dos atores pertencentes a esse cenário
Author: Cunha, Gilma Iale Camelo da
Abstract: Nesse trabalho investigamos de que maneira a escola vem desenvolvendo as questões referentes à educação ambiental enquanto tema transversal e interdisciplinar. Levantamos informações sobre como a Educação Ambiental vem sendo desenvolvida na prática pedagógica de uma escola da rede pública estadual da cidade de Mossoró/RN - Brasil. Onde foi identificada a percepção dos atores envolvidos no processo de educação ambiental, a saber: o nível de consciência ecológica, manifestada pelos alunos, suas práticas em relação aos problemas ambientais vivenciados; a abordagem do docente, frente à temática; bem como a percepção dos representantes do poder, como o professor, a diretoria da escola, a secretária de educação do estado e gerente de meio ambiente do município de Mossoró – RN. Contando com um apanhado bibliográfico com autores como Saviani (2008), Dias (2004), Gadotti (2008), Paulo Freire (1991), Sato (2012), Loureiro (2004), Leff (2010), entre outros. Para essa investigação utilizamos uma abordagem qualitativa e quantitativa, sendo desenvolvido 4 entrevistas com os representantes do poder e um questionário que foi aplicado com os alunos da escola, depois de respondidos esses dados foram tabulados em planilhas do Excel a fim de serem lançados para análises estatísticas, logo em seguida foram tratados através da construção de um banco de dados na planilha eletrônica Microsoft Excel. Após a digitação da base de dados, o banco foi exportado para o software SPSS versão 13.0 no qual foi realizada a análise. Para análise dos dados foram calculadas as frequências observadas e percentuais das percepções dos alunos acerca do julgamento, procedimentos utilizados pela escola, itens associados, problemas e temas relacionados ao meio ambiente. Além das frequências calculadas foram construídos os gráficos para cada distribuição. Já a análise qualitativa de conteúdo possui como estratégia de análise a interpretação qualitativa de emparelhamento de dados. Percebemos que nossos sujeitos acreditam que a educação ambiental vem como instrumento para modificação de comportamentos humanos, é através da educação que modificamos atitudes e conscientizamos a nossa população aos cuidados para com o nosso planeta. Nesta investigação identificamos que 83,1% dos alunos disseram estar bastante consciente da problemática ambiental, e ainda, 71,8% dos discentes disseram que estão bastante motivados para desenvolver projetos de educação ambiental na sua escola. Todavia não foi constatado isso pelos representantes do poder os quais afirma que esses não possuem o nível de consciência ecológica identificada pelos alunos, podendo perceber uma visão crítica por parte dos representantes do poder a respeito da temática, diferente dos discentes que dizem ter consciência, contudo suas práticas não condizem com a realidade. Acreditamos que se a Educação Ambiental fosse introduzida como componente curricular obrigatória essa poderia ser trabalhada de maneira mais direta e contundente a fim de formamos cidadãos verdadeiramente consciente da questão ambiental, uma vez que essa deve ir além dos muros da escola, a questão ambiental é uma questão também social, necessitamos de intervenções a nível global afim de todos contribuírem de maneira significativa para sustentabilidade.In this paper we investigate how the school is developing the issues of environmental education as an interdisciplinary and cross - cutting theme. We raised about how the Environmental Education has been developed in pedagogical practice of a public school in the city state of Mossoró / RN - Brazil. Where we identified the perception of the actors involved in environmental education, namely the level of ecological awareness, expressed by students, their practices in relation to environmental problems experienced; approach the teacher in front of the theme; well as the perception of representatives of power, as the teacher, the school board, the state secretary of education and environmental manager of the Mossoró - RN. With an overview bibliographical authors as Saviani (2008), Day (2004), Gadotti (2008), Paulo Freire (1991), Sato (2012), Loureiro (2004), Leff (2010), among others. For this research we used a qualitative and quantitative approach, being developed 4 interviews with representatives of power and a questionnaire that was administered to students at the school, answered after these data were tabulated in Excel spreadsheets in order to be released for statistical shortly thereafter were treated by building a database in Microsoft Excel spreadsheet. After entering the database, the database was exported to SPSS version 13.0 software on which the analysis was performed. For data analysis, we calculated the observed frequencies and percentages of students' perceptions about trial procedures used by the school, associated items, problems, and issues related to the environment. Besides the calculated frequencies were constructed graphs for each distribution. Since the analysis of qualitative content analysis strategy has as a pairing qualitative interpretation of data. We realize that our guys believe that environmental education is an instrument for modifying human behavior is through education that we modify attitudes and become aware of our population to care for our planet. This research identified that 83.1% of students said they were very conscious of environmental issues, and yet, 71.8% of students said they were highly motivated to develop environmental education projects in their school. However this was not observed by the representatives of power which says that these do not have the level of ecological awareness identified by students may perceive a critical view on the part of representatives of the power of the theme, different from students who say they have consciousness, however their practices are not consistent with reality. We believe that environmental education was introduced as a compulsory curricular component that could be crafted in a more direct and forceful in order to form citizens truly conscious of environmental issues, since this must go beyond the school walls, the environmental issue is a also social issue, we need inter ventions at the global level in order for everybody to contribute significantly to sustainability.
Description: Orientação : Márcia Karina Silva
URI: http://hdl.handle.net/10437/3768
Date: 2012


Files in this item

Files Size Format View
Dissertação Gilma Iale Camelo da Cunha.pdf 3.036Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account