Influência de substâncias bioativas na estabilidade fisico-química e funcional de emulsões fotoprotetoras

DSpace/Manakin Repository

Influência de substâncias bioativas na estabilidade fisico-química e funcional de emulsões fotoprotetoras

Show full item record

Title: Influência de substâncias bioativas na estabilidade fisico-química e funcional de emulsões fotoprotetoras;
Influences of bioactive substances on the physicochemical and functional stability of sunscreen emulsions
Author: Velasco, Maria Valéria Robles; Sarruf, Fernanda Daud; Oliveira, Camila Areias de; Silva, Ana Paula Miranda da; Consiglieri, Vladi Olga; Kaneko, Telma Mary; Baby, André Rolim
Abstract: A utilização de filtros ultravioletas isolados em formulações fotoprotetoras, origina produtos com proteção limitada contra as radiações solares, o que evidencia a necessidade de associar compostos bioativos. Estudos anteriores demonstraram que a rutina, um composto bioativo, interage sinergicamente com filtros solares incorporados em preparações fotoprotetoras. Portanto, este trabalho teve como objetivo avaliar a influência da rutina sobre a estabilidade físico-química e funcional de emulsões fotoprotetoras. 16 formulações foram desenvolvidas, submetidas ao teste de estabilidade preliminar e caracterizadas de acordo com o pH, perfil reológico e eficácia fotoprotetora in vitro . A formulação com o melhor desempenho e a formulação correspondente, sem rutina, foram submetidos ao teste de estabilidade normal. Todas as formulações apresentaram valores de pH compatível com a pele e comportamento reológico semelhante. A formulação F16 e a mesma formulação, sem rutina, foram submetidas ao teste de estabilidade normal e apresentaram valores de pH semelhantes e perfis reológicos que foram mantidos ao longo dos dias de análise. A atividade antirradicalar foi estável apenas para formulações armazenadas a 5,0 ± 0,5°C. A eficácia fotoprotetora demonstrou resultados semelhantes entre ambas as formulações, que também foi observado em todos os dias de análise. Em conclusão, rutina não influenciou a fotoestabilidade da formulação sob as condições adotadas.The usage of isolated ultraviolet filters in photoprotective formulations produces products with limited protection against the solar radiations, which highlights the need for active compounds (filters and bioactive compounds) combinations. Previous studies have demonstrated that rutin, a bioactive compound, interacts with filters incorporated in sunscreens. Therefore, this work aimed at evaluating the influence of rutin on the physicochemical and functional stability of sunscreen emulsions. Sixteen formulations were developed, submitted to the Preliminary Stability Testing and characterized according to pH value, rheological profile and in vitro photoprotective efficacy. The formulation with the best performance and the correspondent formulation without rutin were submitted to the Normal Stability Testing. All formulations presented pH values compatible with the skin and similar rheological behavior. Formulation F16 and the same formulation without rutin were submitted to the Normal Stability Testing and presented similar pH values and rheological profiles that were maintained during the days of analysis. The antioxidant activity was stable only for formulations stored at 5.0 ± 0.5 °C. The in vitro photoprotective efficacy demonstrated similar results among both formulations that were also observed on all days of analysis.
URI: http://hdl.handle.net/10437/3593
Date: 2013


Files in this item

Files Size Format View
Article11_9n1.pdf 1.544Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account