Acerca do impacto da administração transdérmica de um inibidor da NO-sintetase (L-NAME) : uma abordagem preliminar

DSpace/Manakin Repository

Acerca do impacto da administração transdérmica de um inibidor da NO-sintetase (L-NAME) : uma abordagem preliminar

Show full item record

Title: Acerca do impacto da administração transdérmica de um inibidor da NO-sintetase (L-NAME) : uma abordagem preliminar;
About the impact of the transdermal application of a NO sintetase inhibitor (L-NAME) : a preliminary approach
Author: Pinto, Pedro Contreiras; Félix, Tiago; Rodrigues, Luís Monteiro
Abstract: O L-NAME, um dos inibidores do NO mais utilizados para o estudo da função microcirculatória na hiperémia cutânea, é normalmente administrado por microdiálise, uma técnica invasiva e traumática com reconhecidas limitações. Neste contexto, procurou-se avaliar, ainda que de forma preliminar, o interesse da aplicação transdérmica deL-NAMEemexperiências de indução de hiperémia local. O estudo consistiu na aplicação (durante 2 horas) de um sistema oclusivo contendo L-NAME (40 ) a 10mM, ou 100mM e um controlo com água destilada, no antebraço de voluntários saudáveis (n=5). Após a oclusão os voluntários foram submetidos a um protocolo de aquecimento local da pele a 42ºC durante 20 minutos, com a resposta hiperémica avaliada por Fluxometria de Laser Doppler (LDF).A análise estatística das várias concentrações de inibidor, involveu a comparação das diferentes fases do estudo com o controlo através de estatística não paramétrica. A aplicação de 100mM de L-NAME desencadeou a inibição de toda a resposta microcirculatória, o que constitui um bom indício para que esta metodologia continue a ser desenvolvida.L-NAME, one of the most used NO inhibitors for microcirculatory function study purposes with cutaneous hyperemia, is usually administered by microdialysis, an invasive and traumatic technique with well known limitations. So, we've tried to evaluate, even if preliminarily, the interest of the transdermal application of L-NAME to local hyperemic experiments. The experiments involved the topical application (for 2 hours) of an occlusive system containing L-NAME (40 ) at 10 mM or 100 mM and a distilled water control, in the healthy volunteer's forearm (n=5). After the occlusion, volunteers were submitted to a local heating protocol at 42ºC during 20 minutes. The hyperemic response was evaluated by Laser Doppler Flowmetry (LDF). Results from the different concentrations involved were compared with the control by non parametric methods. The application of 100 mM of L-NAME inhibits the microcirculatory response, a good indicator for further developments around this methodology.
URI: http://hdl.handle.net/10437/2240
Date: 2009


Files in this item

Files Size Format View
1121-3984-1-PB.pdf 148.0Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account