Relação entre factores ambientais causadores de stress e pressão arterial felina

DSpace/Manakin Repository

Relação entre factores ambientais causadores de stress e pressão arterial felina

Show full item record

Title: Relação entre factores ambientais causadores de stress e pressão arterial felina
Author: Pedro, Mónica Joana Colaço
Abstract: Muitos dos problemas em medicina felina, quer clínicos como comportamentais, podem ser secundários ao ambiente e a stress. Em Medicina Humana, considera-se o aumento da pressão arterial como consequência mas também indicador de stress. Este trabalho pretende avaliar a relação do stress felino com alterações da pressão arterial e identificar quais os factores ambientais que desempenham um maior papel na sua ocorrência. Foi avaliada, através de um questionário aos proprietários, a satisfação das necessidades básicas do animal e factores sociais. Estes parâmetros foram comparados com as pressões arteriais sistólicas obtidas. Verificou-se existir resultados estatisticamente significativos na diferença entre a pressão e marcação de território e na correlação negativa entre a pressão e o tempo de brincadeira diário. Outros factores ambientais demonstraram também diferenças, nomeadamente acesso ao exterior, número de gatos na mesma habitação, número e tipo de liteira, tipo de areão, número de bebedouros e comedouros e presença de arranhadores, mas estas não foram estatísticamente significativas. Estes resultados abrem caminho para a integração do enriquecimento ambiental e maneio comportamental como adjuvantes no tratamento e prevenção de doenças clínicas. Por isso, deve ser tarefa do Médico Veterinário transmitir aos proprietários a informação e competências necessárias para proporcionarem melhores condições aos seus animais de companhia.Many problems in feline medicine, medical or behavioral, may be secondary to environment and stress. In human medicine, it’s known that increase of blood pressure is one of the consequences, but also indicator of stress. The goal of this study is to assess the relation between feline stress and changes of blood pressure and identify which environmental factors are more prone to induce stress. The satisfaction of the basic needs of the cats and social factors, were evaluated through a questionnaire to the owners. These parameters were compared to the values of systolic blood pressure obtained. The results showed that there is a significant statistical relation between blood pressure and territory marking and a negative correlation between pressure and daily time spent playing. Other factors such as acess to outdoors, number of cats in the home, number and tipe of litter box, litter tipe, number of feeding and drinking bowls and acess to scratchers, showed differences in blood pressure, although not statistically significant. These results open way to the integration of environmental enrichment and behavioral management in the treatment and prevention of clinical diseases. It should be a Veterinarian’s role to give the owners the information necessary so they can improve the environment and therefore the life of their companion animal.
Description: Orientação: Gonçalo da Graça Pereira ; co-orientação: Cláudia Ferreira
URI: http://hdl.handle.net/10437/1600
Date: 2011


Files in this item

Files Size Format View
Tese inteira FINAL corrigida.pdf 1.055Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account