Comunicação, perdão e ajustamento diádico na conjugalidade

DSpace/Manakin Repository

Comunicação, perdão e ajustamento diádico na conjugalidade

Show full item record

Title: Comunicação, perdão e ajustamento diádico na conjugalidade
Author: Amarante, Ruth Levy Santos Gomes
Abstract: A conjugalidade é um dos acontecimentos mais estudados pelos especialistas, tendo estes encontrado, nos estudos, que a qualidade das relações conjugais é um importante indicador de bem-estar dos casais e que a baixa qualidade conjugal é um fator de risco significativo para a saúde mental. O presente estudo teve como objetivo avaliar a relação entre a comunicação, o perdão e o ajustamento diádico no relacionamento conjugal, assim como comparar os homens e as mulheres em relação ao perdão, à comunicação e ao ajustamento diádico no relacionamento conjugal. Tratou-se de estudo transversal, utilizando uma metodologia correlacional e uma amostra de conveniência que incluiu 245 participantes. O protocolo de avaliação incluiu os seguintes questionários/escalas: questionário sociodemográfico, Escala de Perdão de Ofensas Específicas, Questionário de Padrões de comunicação e Escala de Ajustamento diádico-Revista. Verificaram-se associações entre as variáveis, sendo algumas destas negativas (e.g., exigência/afastamento e benevolência) e outras positivas (e.g., interação positiva e satisfação). Não se verificaram diferenças significativas entre os homens e as mulheres nas variáveis do estudo.Conjugality is one of the most studied events by the experts, with studies finding that the quality of the conjugal relationship is an important indicator of wellbeing for couples and that a low conjugal relationship quality is a risk factor for mental health. The present study aimed to evaluate a relationship between communication, forgiveness and dyadic adjustment in the marital relationship and, also compare men and women regarding adjustment, communication and dyadic adjustment in the marital relationship. It was a cross-sectional study, using a correlational methodology and a convenience sample that included 245 participants. The evaluation protocol included the following questionnaires/scales: Sociodemographic Questionnaire, Specific Offenses Forgiveness Scale, Communication Patterns Questionnaire and Dialogue-Revised Adjustment Scale. Variations are verified between variables, some of which are negative (e.g., changes / withdrawal and benevolence) and others positive (e.g., positive interaction and satisfaction). There are no significant differences between men and women in the study variables.
Description: Orientação: Bárbara Nazaré
URI: http://hdl.handle.net/10437/10086
Date: 2019


Files in this item

Files Size Format View Description
Dissertação RUT ... 20191220.pdf COM JURI.pdf 288.2Kb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account