Associação entre estratégias de resolução de conflito conjugal e estratégias de resolução de conflito coparental: o efeito moderador da vinculação

DSpace/Manakin Repository

Associação entre estratégias de resolução de conflito conjugal e estratégias de resolução de conflito coparental: o efeito moderador da vinculação

Show full item record

Title: Associação entre estratégias de resolução de conflito conjugal e estratégias de resolução de conflito coparental: o efeito moderador da vinculação
Author: Matos, Paula Cristina Bessa
Abstract: A investigação tem demonstrado uma interdependência estrutural entre os subsistemas familiares, nomeadamente entre os subsistemas conjugal e coparental. No entanto, apesar da plausibilidade teórica, nenhum estudo, intentou investigar a associação nem o efeito moderador da vinculação na associação entre estratégias de resolução de conflito conjugal e estratégias de resolução de conflito coparental. O presente estudo teve três objetivos. O primeiro foi examinar as associações entre as estratégias de resolução de conflito conjugal (RCC) e a sabotagem coparental e o conflito coparental aberto. No segundo e terceiro objetivo pretendeu-se examinar o efeito moderador do evitamento de vinculação e da ansiedade de vinculação na associação entre (a) estratégias RCC e a sabotagem coparental e (b) entre estratégias RCC e o conflito coparental aberto. A amostra foi constituída por 242 mães a residir em Portugal, com idades compreendidas entre os 20 e 51 anos de idade (M = 35.30; SD = 5.44), com filhos em idades compreendidas entre os 2 e 6 anos de idade. Usando um design transversal, foi conduzido um inquérito online de recolha de dados, ao qual as participantes responderam a questões referentemente às variáveis em estudo. Primeiramente, foram implementados procedimentos estatísticos de limpeza de dados para reduzir a possibilidade de respostas enviesadas ou inválidas metodologicamente. Os resultados demonstraram que as estratégias construtivas, estratégias de retraimento e estratégias de raiva de RCC se mostraram preditoras significativas da sabotagem coparental e do conflito coparental aberto. Relativamente ao potencial efeito moderador da vinculação entre as estratégias de RCC e estratégias de resolução de conflito coparental, verificou-se um efeito moderador da vinculação entre as estratégias de resolução de conflito conjugal e a sabotagem coparental. Não foi encontrado efeito moderador da vinculação entre estratégias de RCC e o conflito coparental aberto. Posteriormente foram também discutidas as limitações e as implicações clínicas do presente estudo.The research has demonstrated a structural interdependence between family subsystems, specifically between the conjugal subsystem and the coparenting. However, although the theoretical plausibility, no study, to our knowledge, intends to investigate the association or the potential moderating effect in the association between marital conflict resolution strategies and coparental conflict resolution strategies. The present study had three objectives. The first one was to examine the associations between marital conflict resolution strategies and coparenting sabotage and open coparental conflict. The other two objectives was to examine the moderating effect of avoidant and anxious attachment on the association between a) marital conflict resolution strategies and coparenting sabotage and b) marital conflict resolution strategies and open coparental conflict. The sample consisted of 242 mothers, residing in Portugal, aged between 20 and 51 years (M = 35.30; SD = 5.44), with children between the ages of 2 and 6 years. Using a transversal design, an online survey of data collection was conducted, where participants answered questions related to the study. Before analyzing the data, statistical data cleansing procedures were implemented to reduce the possibility of biased or methodologically invalid answers. The results showed that constructive, avoidance and rage strategies proved significant predictors of coparenting sabotage and open coparental conflict. Regarding to the moderating effect of attachment on the association between marital conflict resolution strategies and conflict resolution strategies coparenting, the results showed the moderating effect of attachment between marital conflict resolution strategies and coparenting sabotage. No moderating effect was found for the attachment between marital conflict resolution strategies and open conflict coparental. Afterwards, the limitations and clinical implications of the present study were also discussed.
Description: Orientação: Jorge Pereira do Vale Lamela da Silva
URI: http://hdl.handle.net/10437/9608
Date: 2019


Files in this item

Files Size Format View Description
Versão Final _ ... o mestrado Paula Matos.pdf 952.0Kb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account