Novos avanços tecnológicos na fotoproteção

DSpace/Manakin Repository

Novos avanços tecnológicos na fotoproteção

Apresentar o registro completo

Título: Novos avanços tecnológicos na fotoproteção
Autor: Costa, Rafaela Marques da
Resumo: A pele apresenta mecanismos de defesa naturais contra a radiação UV, sendo o mais conhecido a produção de um pigmento, a melanina. Contudo, a proteção que este pigmento nos confere está limitada, sendo assim o uso de fotoproteção indispensável. O uso da fotoproteção é reconhecida como uma medida importante para proteger a pele da radiação UV evitando uma variedade de efeitos negativos sobre a pele, desde o envelhecimento cutâneo ao cancro da pele. Os filtros UV estão presentes na composição dos produtos de proteção solar e destinam-se especificamente a filtrar certas radiações UV. Estes filtros também podem ser adicionados a outros produtos cosméticos de uso pessoal, como os produtos de maquilhagem. O especto de radiação UV divide-se em UVA (320-400nm), responsável pelo aparecimento dos sinais do envelhecimento cutâneo e danos indiretos no DNA; UVB (290-320nm), responsável pelo eritema solar e danos diretos no DNA e, UVC (100-290nm), cuja radiação fica retida na camada de ozono. A radiação IV também tem mostrado ser responsável por vários danos cutâneos. Esta dissertação aborda os avanços tecnológicos na fotoproteção tais como novas formulações, compostos naturais com efeito fotoprotetor, ensaios clínicos realizados para eficácia de fotoproteção e a regulamentação exigida.The skin has natural defense mechanisms against UV radiation, the best known being the production of a pigment, melanin; however, the protection that this pigment gives us is limited protection, so the use of photoprotection is indispensable. The use of photoprotection is recognized as an important measure to protect the skin from UV radiation avoiding a variety of negative effects to the skin, from skin aging to skin cancer. UV filters are present in the composition of sunscreen products and are specifically designed to filter certain UV rays. These filters can also be added to other cosmetic products for personal use, such as make-up products. The UV radiation spectrum is divided into UVA (320-400nm), responsible for the appearance of signs of skin aging and indirect DNA damage, UVB (290-320nm), responsible for solar erythema and direct damages in DNA, and in UVC (100-290nm), whose radiation is generally retained in the ozone layer. IV radiation has also been shown to be responsible for various skin damage. This dissertation addresses the technological advances in photoprotection such as new formulations, natural compounds with photoprotective effect, clinical trials performed for photoprotection efficacy assessment and the required regulation.
Descrição: Orientação: Ana Catarina Reis
URI: http://hdl.handle.net/10437/8883
Data: 2017


Arquivos neste Item

Arquivos Tamanho Formato Visualizar Descrição
DISSERTAÇÃO RAFAELA COSTA.pdf 606.9Kb PDF Visualizar/Abrir Dissertação de mestrado

Este Item aparece na(s) seguinte(s) Coleção(ções)

Apresentar o registro completo

Todo o Repositório


Pesquisa Avançada

Visualizar

Minha conta