Shunt portossistémico em cães

DSpace/Manakin Repository

Shunt portossistémico em cães

Show full item record

Title: Shunt portossistémico em cães
Author: Santos, Margarida Monteiro Pinto Leal dos
Abstract: Esta dissertação foi realizada no âmbito da conclusão do Mestrado Integrado em Medicina Veterinária da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias e teve como objectivo o desenvolvimento do tema shunt portossistémico em cães. Inclui uma revisão bibliográfica extensa sobre o tema e apresentação e discussão de 4 casos clínicos acompanhados durante o estágio curricular de natureza profissional realizado no hospital John and Tickle Small Animal Hospital, na Universidade do Tennessee College of Veterinary Medicine. Os shunts portossistémicos são a doença congénita do sistema hepatobiliar mais frequentemente diagnosticada em Medicina Veterinária e apesar de não ser uma patologia rara, é pouco frequente. São definidos como uma anomalia vascular que resulta numa comunicação directa entre a circulação portal e sistémica, o que significa que o sangue vindo dos órgãos digestivos da cavidade abdominal entra directamente na circulação sistémica, não passando pelo processo de destoxificação do fígado. Com apresentações clínicas muito variáveis e técnicas de diagnóstico igualmente diversas são anomalias que, quando correctamente diagnosticadas, poderão ter indicação para correcção cirúrgica com excelente prognóstico. Algumas das técnicas utilizadas e descritas nesta dissertação incluem a colocação de anel constritor ameroide, ligadura com banda celofane e embolização por via transjugular.This dissertation was written in order to complete the Integrated Master’s Degree in Veterinary Medicine of Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias and discusses portosystemic shunts in dogs. Includes an extensive bibliographic review on the topic and presentation along with discussion of 4 case-studies followed during the curricular externship at the John and Tickle Small Animal Hospital Hospital from University of Tennessee College of Veterinary Medicine. Portosystemic shunts are the congenital disease of the hepatobiliary system most frequently diagnosed in Veterinary Medicine and although this is not a rare disorder, it is infrequent. It consists in a vascular anomaly that results in direct communication between the portal and systemic circulation, this means that the blood coming from digestive organs bypasses the liver and so it is not detoxified properly. With variable clinical presentations and equally diverse diagnostic techniques, this condition, when properly diagnosed, may be indicated for surgical correction with an excellent prognosis. Some of the techniques used and described in this dissertation include ligation with cellophane band, placement of ameroid constrictor ring and transjugular coil embolization.
Description: Orientação: Sónia Campos ; co-orientação: Margarida Fragoso
URI: http://hdl.handle.net/10437/8759
Date: 2018


Files in this item

Files Size Format View Description
SHUNT PORTOSSIS ... GARIDA LEAL DOS SANTOS.pdf 3.712Mb PDF View/Open Dissertação de mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account