Índice cardíaco vertebral em cães dobermann: estudo através de um protocolo de rastreio de cardiomiopatia dilatada na raça

DSpace/Manakin Repository

Índice cardíaco vertebral em cães dobermann: estudo através de um protocolo de rastreio de cardiomiopatia dilatada na raça

Show full item record

Title: Índice cardíaco vertebral em cães dobermann: estudo através de um protocolo de rastreio de cardiomiopatia dilatada na raça
Author: Martins, Paula Sofia de Albuquerque
Abstract: A cardiomiopatia dilatada é uma doença cardiovascular progressiva e fatal, sendo o Dobermann Pinscher a raça mais suscetível. Apesar de a ecocardiografia ser o meio de diagnóstico que confirma cardiomiopatia dilatada, a radiografia torácica é um dos exames importantes na determinação e avaliação da silhueta cardíaca aumentada. O método denominado índice cardíaco vertebral, proposto por Buchanan & Bücheler em 1995, avalia a proporção do tamanho do coração em relação ao tamanho do animal. Vários autores têm estabelecido os valores médios do índice cardíaco vertebral para as diferentes raças de cães. Pretendeu-se com a presente dissertação estabelecer o valor médio de índice cardíaco vertebral para a raça Dobermann recorrendo ao método estabelecido por Buchanan & Bücheler (1995) e comparar com os vários estudos realizados para a raça. Para tal procedeu-se à medição do índice cardíaco vertebral em 72 radiografias torácicas realizadas na projeção latero-lateral direita de 72 cães da raça Dobermann sem evidência imagiológica da presença de doença cardíaca, selecionados através de um protocolo de rastreio de cardiomiopatia dilatada para a raça, levado a cabo no Hospital Veterinário do Porto. Foram definidos grupos independentes para a idade e para o peso. A amostra reuniu maioritariamente fêmeas com idade inferior a um ano e peso compreendido entre os 20 e os 35kg. Foi verificada a normalidade do valor de índice cardíaco vertebral, com média de 10,2 vértebras com desvio padrão de 0,5, sendo o valor mínimo encontrado igual a 8,8 vértebras e o máximo igual a 11,6 vértebras. Foram encontradas diferenças significativas entre os dois grupos de idade e o eixo menor e o índice cardíaco vertebral. O valor do índice cardíaco vertebral apresentou diferenças relevantes em comparação com os resultados obtidos por Buchanan & Bücheler (1995). No entanto o valor de índice cardíaco vertebral deste estudo foi ao encontro de diversos autores nos estudos realizados para a raça.Dilated cardiomyopathy it´s a cardiovascular progressive and fatal disease, being the Doberman pinscher the most affected breed. Although the echocardiography is the diagnosis method that confirms dilated cardiomyopathy and the thoracic radiography is one of the most important in the determination and evaluation of the enlarged cardiac silhouette. Buchanan and Bücheler´s (1995) vertebral heart score evaluates the proportion between the size of the heart and the size of the animal. Several authors have used and established the index in different breeds of dogs. The aim of the following work is to establish an average mean value of vertebral heart score for the Dobermann breed using the Buchanan and Bücheler´s (1995) method, and compare with several studies performed for the breed. For this purpose, due to a protocol for tracking dilated cardiomyopathy established with Hospital Veterinário do Porto, was measured in the right lateral recumbecy 72 thoracic radiography of 72 Dobermann breed dogs free from cardiac disease, in order to obtain the vertebral heart size. It was established independent groups concerning age and weight. The sample mostly consisted of females, aged less than one year and a weight between 20 and 35kg. It was verified the normality of the value of vertebral heart score, with an average of 10,2 vertebrae. The standard deviation was of 0,5, being the minimum value of 8,8 v. and the maximum of 11,6 v. Significant differences were found between both age groups concerning the short axis and the vertebral heart score. Although the values obtained for the vertebral heart score showed significant differences in comparisson with the results obtained by Buchanan and Bücheler (1995). They were compatible with several studies performed in the Dobermann Pinscher breed.
Description: Orientação: Luís Lobo ; co-orientação: Pedro Almeida
URI: http://hdl.handle.net/10437/8158
Date: 2017


Files in this item

Files Size Format View Description
Tese definitiva.pdf 821.6Kb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account