Desenvolvimento identitário, valores e clima familiar em jovens adultos: um estudo exploratório

DSpace/Manakin Repository

Desenvolvimento identitário, valores e clima familiar em jovens adultos: um estudo exploratório

Show full item record

Title: Desenvolvimento identitário, valores e clima familiar em jovens adultos: um estudo exploratório
Author: Souza, Thaysa Maria Araújo
Abstract: A literatura tem apontado o impacto de diversas variáveis individuais e familiares no desenvolvimento da identidade. Através de um desenho quantitativo transversal e com recurso a uma amostra de 275 adultos emergentes (18-30 anos), o presente estudo exploratório pretendeu analisar: a relação entre o clima familiar, os valores pessoais, a idade e os processos de desenvolvimento identitário; e as diferenças em relação aos processos de desenvolvimento da identidade, ao clima familiar e aos valores pessoais em função da coabitação ou não coabitação com a família de origem. Os resultados mostraram que: o compromisso é predito pela coesão e apoio familiares, pela idade e pelos valores coletivistas; a exploração em amplitude é predita pela coesão familiar; a identificação com o compromisso é predita pela idade e pela coesão familiar; a exploração em profundidade é predita pela coesão e pela hierarquia familiares; e a exploração ruminativa é predita pela hierarquia familiar. Para além disso, os adultos emergentes que coabitam com a família de origem apresentam níveis superiores de exploração em amplitude. Os resultados realçam a importância do clima relacional familiar e da coabitação com a família no desenvolvimento identitário do adulto emergente. As implicações para a prática clínica e para a literatura nas áreas da identidade, valores pessoais e psicologia da família são discutidas.The literature has pointed out the impact of multiple individual and family variables in the development of identity. Through a cross-sectional quantitative designs and using a sample of 275 emerging adults (18-30 years), this exploratory study aimed at analyzing: the relationship between the family climate, personal values, age and identity development processes; and diferences related to the identity development process, the family climate and personal values in function of cohabitation or no cohabitation with the family-of-origin. The results showed that: the commitment making is predicted by family cohesion and support, by age and by collectivist values; exploration in breath is predicted by family cohesion; identification with commitment is predicted by age and family cohesion; exploration in depth is predicted by the family cohesion and hierarchy; and ruminative exploration is predicted by the family hierarchy. In addition, emerging adults who live with the family-of-origin have higher levels of exploration in breadth. The results highlighted the importance of family relational climate and cohabitation with the family in the identity development of the emerging adult. The implications for clinical practice and literature in the areas of identity, personal values and family psychology are discussed.
Description: Orientação: Ana Prioste
URI: http://hdl.handle.net/10437/8012
Date: 2016


Files in this item

Files Size Format View Description
tese final CC.pdf 1.251Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account