Persistência, bem-estar subjetivo e personalidade

DSpace/Manakin Repository

Persistência, bem-estar subjetivo e personalidade

Show full item record

Title: Persistência, bem-estar subjetivo e personalidade
Author: Costa, Mariana Alcazar Bento Neto da
Abstract: A investigação em psicologia Positiva, foca-se no estudo das motivações e potencialidades humanas, bem como a proporcionar maior qualidade de vida. Surge, assim, o interesse pelo constructo de persistência, definido como a perseverança e paixão em objetivos de longo prazo, determinante para a realização em domínios considerados desafiantes. O presente estudo tem como objetivo a replicação do modelo de persistência na população portuguesa, analisando a sua relação com o bem-estar subjetivo e personalidade. Nesse sentido, 261 participantes responderam a um questionário de dados demográficos e às medidas: escala de persistência, escala de satisfação com a vida, escala de afeto positivo e negativo e inventário dos cinco grandes. Verificou-se que a persistência se correlaciona positivamente com a satisfação com a vida, afetividade positiva e com as dimensões de conscienciosidade, amabilidade, extroversão e abertura à experiência, estando negativamente relacionada com a afetividade negativa e neuroticismo, sugerindo a relevância das diferentes variáveis na construção da persistência.     Research in positive psychology focuses on the study of motivations and human potential, and in providing better life quality. Thus, arose the interest in the persistence, defined as perseverance and passion for long-term goals, crucial for achievement in areas considered challenging. This study aims to replicate the persistence model in the portuguese population, analyzing their relationship with subjective well-being and personality. Thus, 261 participants answered a demographic questionnaire and were measured by the grit scale, satisfaction with life scale, positive and negative affect Schedule and big five inventory. It was found that the grit is positively related to the satisfaction with life, the positive affectivity, and with the dimensions of conscientiousness, agreeableness, extraversion and openness to experience, while negatively related to negative affectivity and neuroticism, suggesting the importance of different variables in the construction of grit.
Description: Orientação: Américo Baptista
URI: http://hdl.handle.net/10437/7218
Date: 2015


Files in this item

Files Size Format View Description
MARIANA ALCAZAR BENTO NETO DA COSTA_FINAL .pdf 1.862Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account