Percepção de saúde: validação do The Health Perceptions Questionnaire para a população portuguesa

DSpace/Manakin Repository

Percepção de saúde: validação do The Health Perceptions Questionnaire para a população portuguesa

Show full item record

Title: Percepção de saúde: validação do The Health Perceptions Questionnaire para a população portuguesa
Author: Santos, Vanessa Margarida Amorim
Abstract: Diferentes escalas têm sido desenvolvidas e aplicadas com o objetivo de avaliar na área da saúde, nomeadamente a perceção de saúde do indivíduo. Cada vez mais, esta é uma dimensão de extrema relevância para a intrepretação de outros fatores e variáveis que influenciam o indivíduo e a sua própria saúde. O presente estudo tem como objetivo principal a validação da escala The Health Perceptions Questionnaire (HPQ) para a população Portuguesa. O estudo contou com a participação de um total de 600 indivíduos, de ambos os géneros, com idades compreendidas acima dos dezoito anos e provenientes das mesmas regiões geográficas: Aveiro e Vila Nova de Gaia. A HPQ apresenta 33 itens avaliados numa escala tipo Likert de 5 pontos. Destes 33 itens, 27 formam seis subescalas: saúde atual (9 itens), saúde passada (3 itens), perspetivas de saúde (4 itens), resistência à doença (4 itens), preocupação com a saúde (5 itens) e orientação da doença (2 itens), os seis itens restantes não são usados nas subescalas, cobrem a rejeição na doença e as atitudes em relação a ir ao médico (Davies et al., 1988). Como resultados deste estudo, a análise fatorial confirmatória efetuada ao modelo original do autor, demonstra que não é possível alcançar o objetivo estabelecido, ou seja, concluiu-se que o instrumento não apresenta bons índices de adequabilidade face ao novo modelo fatorial proposto para a população em estudo.Different scales have been developed and applied in order to assess the area of health, including the health perception of the individual. Increasingly, this is an extremely important phenomenon for interpretation of many other factors and variables that influence the individual and their health state. This study aimed primarily to validate the scale The Health Perceptions Questionnaire (HPQ) for the Portuguese population. The study included a total of 600 the participation of both genders, aged above eighteen and from the same geographical regions: Aveiro and Vila Nova de Gaia. The HPQ has 33 items evaluated by five points, a Likert scale. Of these 33 items, 27 form six subscales: current health (9 items), past health (3 items), health perspective (4 items), resistance to disease (4 items), concern for health (5 items) and orientation disease (2 items), the remaining six items are not used on the subscales, cover the rejection disease and attitudes with regard to going to the doctor (Davies et al., 1988). As a result of this study, a confirmatory factor analysis to the original creator of the model demonstrates that it is not possible to reach the goal, due to the fact that instrument does not show good adequacy rations over the proposed new factor model for the population studied.
Description: Orientação: Teresa Souto
URI: http://hdl.handle.net/10437/7176
Date: 2015


Files in this item

Files Size Format View Description
DissertaçãoConcluída_VanessaSantos_CD.pdf 1.842Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account