Poluição do ar por partículas em Portugal: gestão da qualidade do ar ambiente, das emissões de poluentes para a atmosfera e da exposição ocupacional

DSpace/Manakin Repository

Poluição do ar por partículas em Portugal: gestão da qualidade do ar ambiente, das emissões de poluentes para a atmosfera e da exposição ocupacional

Show full item record

Title: Poluição do ar por partículas em Portugal: gestão da qualidade do ar ambiente, das emissões de poluentes para a atmosfera e da exposição ocupacional
Author: Faria, Tiago Alexandre Ferreira Paes de
Abstract: A qualidade do ar é basilar para a saúde das populações e do ambiente, sendo tema de debate nas últimas décadas. A análise das concentrações de PM10 e a identificação das suas fontes são fundamentais para a tomada de decisões que visem a diminuição da poluição do ar de forma eficaz. A gestão da qualidade do ar tem o objetivo de garantir que o desenvolvimento económico e social se faça de forma sustentável e sem prejuízo para a saúde das populações e para o ambiente. Na indústria, para além dos poluentes atmosféricos emitidos para exterior, é importante controlar a exposição ocupacional dos trabalhadores. O objetivo deste trabalho é analisar o estado da qualidade do ar em Portugal, no que se refere a partículas atmosféricas, e identificar procedimentos em termos de gestão industrial necessários para o controle deste poluente usando como caso de estudo uma indústria de componentes de automóveis. Os resultados obtidos mostram que a concentração média de PM10 na atmosfera em Portugal reduziu substancialmente, mas continuam a existir focos de maior concentração como é o caso das regiões do Porto e Lisboa e Vale do Tejo, e das zonas indústrias. As concentrações de poluentes mais elevadas emitidas pela fábrica em estudo, ocorrem nas imediações próximas, enquanto os resultados da exposição ocupacional foram inferiores para todos os parâmetros avaliados. O estudo reforça a necessidade da melhoria continua da qualidade do ar em Portugal.The air quality is fundamental to the health of people and the environment, being subject of debate in recent decades. The concentrations of PM10 analysis and the identification of their sources are essential for making decisions aimed at reducing air pollution effectively. The management of air quality aims to ensure that economic and social development grow sustainably and without harm to the health of people and the environment. In industry, in addition to the air pollutants emitted to the atmosphere, it is important to control the workers occupational exposure. The aim of this study is to analyze the state of air quality in Portugal in relation to atmospheric particles, and to identify procedures in terms of industrial management needed to control this pollutant using as a case study a car component industry.. The results show that the average concentration of PM10 reduced substantially, but continues to exist zones of higher concentration such as the regions of Porto and Lisbon and Tagus Valley, and industry areas. The highest concentrations of pollutants emitted by the plant in study occur in the immediate surroundings while the results of occupational exposure were lower for all parameters. The study reinforces the need for continuous improvement of air quality in Portugal.
Description: Orientação: Helder Miguel Fernandes Silva
URI: http://hdl.handle.net/10437/7121
Date: 2016


Files in this item

Files Size Format View Description
Tiago Alexandre Ferreira Paes de Faria.pdf 4.652Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account