Comparing passive leg raising and suprasystolic ankle occlusion responses to quantify age-related microcirculatory status

DSpace/Manakin Repository

Comparing passive leg raising and suprasystolic ankle occlusion responses to quantify age-related microcirculatory status

Show full item record

Title: Comparing passive leg raising and suprasystolic ankle occlusion responses to quantify age-related microcirculatory status;
Comparação das respostas da elevação passiva da perna e da oclusão suprasistolica no tornozelo para quantificar o status microcirculatório em função da idade
Author: Silva, Henrique; Ferreira, Hugo; Bujan, Julia; Rodrigues, L. Monteiro
Abstract: A pele fornece uma rede vascular de fácil acesso para avaliar a microcirculação por fluxometria por laser Doppler (FLD) e gasimetria transcutânea (tc), técnicas amplamente utilizadas para esta finalidade. O nosso objetivo foi avaliar e comparar o estado microcirculatório de indivíduos de diferentes idades disciplinas em geral, sabendo que o processo de envelhecimento afeta progressivamente os vasos da macro e microcirculação. Escolhemos comparar as respostas dinâmicas a 2 testes de provocação - elevação passiva da perna (EPP) e oclusão ao nível do tornozelo em 59 indivíduos saudáveis, 35 jovens (22,1 ± 3,7 anos) no grupo 1, e 24 mais velhos (50,8 ± 7,6 anos) no grupo 2, seleccionados após consentimento informado. O fluxo sanguíneo local, a tcpO2 e perda transepidérmica de água (PTEA) foram medidos em zonas distais do membro inferior. A EPP e a oclusão reduziram significativamente o fluxo sanguíneo e tcpO2 em ambos os grupos, enquanto nenhuma alteração foi encontrado para PTEA. Embora tenha sido encontrada uma magnitude da resposta hiperémica significativamente reduzida no grupo 2, não foram encontradas diferenças durante a oclusão ao nível tornozelo. Os parâmetros dependentes de tcpO2 foram também significativamente diferentes entre grupos. Estes resultados parecem confirmar a utilidade desses modelos experimentais para distinguir a função microcirculatória de indivíduos com diferentes idades, sendo a EPP mais sensível na deteção de mudanças relacionadas com a idade.The skin provides an easy accessible vascular network to assess microcirculation by laser Doppler flowmetry (LDF), and transcutaneous (tc) gasometry, widely known techniques used for this purpose. the objective of this study was to assess and compare the microcirculation status of different age subjects, knowing that the ageing process progressively affects macro and microcirculatory vessels. We’ve chosen to compare dynamical responses to two provocation tests – passive leg raising (PLR) and ankle occlusion - in 59 healthy subjects, 35 young (22.1 ± 3.7 years old.) in Group 1, and 24 older (50.8 ± 7.6 years old.) in Group 2, selected after informed consent. Local blood flow, tcpO2 and transepidermal water loss (TEWL) were measured in distal locations of the lower limb. PLR and ankle occlusion significantly reduced blood flow and tcpO2 in both groups, while no changes were found for TEWL. While the magnitude of the hyperemic response was found to be significantly reduced in group 2, no differences were found during ankle occlusion. tcpO2-dependent parameters were also significantly different between groups. These results seem to confirm the usefulness of these experimental models to distinguish the microcirculatory function of subjects with different ages, with PLR being more sensible in detecting age-related changes.
URI: http://hdl.handle.net/10437/6953
Date: 2015


Files in this item

Files Size Format View
art5_vf2.pdf 348.1Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account