Os parâmetros curriculares nacionais e a educação física: caminhos trilhados e caminhos a trilhar

DSpace/Manakin Repository

Os parâmetros curriculares nacionais e a educação física: caminhos trilhados e caminhos a trilhar

Show full item record

Title: Os parâmetros curriculares nacionais e a educação física: caminhos trilhados e caminhos a trilhar
Author: Câmara, Ana Alice Cavalcante
Abstract: O presente estudo reflete sobre os Parâmetros Curriculares Nacionais [PCN’s], especificamente o documento relativo à disciplina Educação Física, bem como sua inserção na escola. Todavia, dada à dimensão do mesmo, direcionamos nosso olhar para um foco específico, os saberes por ele propostos. Nossa reflexão surgiu porque o referido documento foi construído a mais de uma década com a intenção de orientar a prática pedagógica dos profissionais que atuam no espaço escolar. Considerando esse objetivo e o tempo que já se encontram disseminado na Educação do Brasil, surgiu uma inquietação, a qual se tornou nossa questão de partida: qual a inserção dos conhecimentos tratados nos PCN’s de Educação Física no contexto educacional do ensino fundamental II da cidade de Pau dos Ferros-RN? Para refletir sobre tal questão realizamos essa investigação, a qual consiste em uma pesquisa de natureza qualitativa, realizada em 5 cinco Escolas públicas do referido município que atendem ao ensino fundamental II. Os sujeitos da pesquisa foram os professores de Educação Física que atuam nessas escolas. Para coleta de dados foi feita uma pesquisa de campo, utilizando como instrumentos a observação e a entrevista. Na análise dos resultados, identificamos que a inserção dos conhecimentos propostos pelos PCN’s para serem abordados na escola ainda é bastante insipiente no lócus e no corpus investigado. De forma mais pontual, em virtude das aulas organizarem-se em teóricas e práticas, muitas vezes em momentos e espaços distintos, os saberes tratados acabam sendo especificados a partir dessa organização temporal e espacial. Nas aulas, ditas práticas, predominam o trato com a dimensão procedimental dos conteúdos e nas teóricas, a conceitual. É mínima a organização da aula em que as dimensões conceituais e procedimentais apresentem-se efetivamente presentes e articuladas, o que demonstra uma fragmentação dos saberes. O esporte emerge como saber presente de forma significativa nas aulas práticas, enquanto nas aulas teóricas, há uma diversidade aparentemente maior. Nelas, são abordados temas relativos, também aos esportes, mas acrescente saberes atinentes à formação corporal, aos temas transversais entre outros. O que inicialmente poderia ser dito como sendo a ampliação das possibilidades de conhecer, valorizar e apreciar diferentes manifestações da cultura corporal de movimento ou que dela se aproximem dialogicamente, não se efetiva de fato, visto que o esporte mantem-se hegemônico e os demais saberes só surgem eventualmente e de forma bem menos intensa. Outro aspecto a considerar é que a terceira dimensão apresentada pelos PCN’s, a atitudinal, não se figura de forma clara, o que faz com que as aprendizagens, proporcionadas por essa dimensão, emerjam através de um currículo oculto. Identificou-se ainda que os professores, embora tenham conhecimento sobre a proposta dos PCN’s, não apresentam um consistente domínio teóricoprático da mesma, o que dificulta sobremaneira a sua inserção no espaço da escola. Por fim, é de se destacar que foi possível perceber nesta investigação, ações didáticas que se aproximam e começam, pouco a pouco, a superar as práticas da Educação Física Escolar, pautadas no ensino tradicional. Algo que ainda demanda tempo. Ainda estão arraigadas na história formativa de parte significativa dos profissionais formadores e dos que atuam na escola, mas que, a nosso ver, começam a mudar, embora lentamente, e a constituir um novo cenário para Educação Física Escolar no Brasil.This study reflects on the National Curriculum Parameters [PCN’s], specifically the document about the subject Physical Education, as well as its insertion in school. However, given the dimension of it, we direct our attention to a specific focus, the knowledge that are proposed there. Our reflection came up because the document was constructed more than a decade with the intention to guide the pedagogical practice of professionals working at school. Considering this aim and the time that is widespread in Education of Brazil, came an unrest, which became our initial question: what is the insertion of knowledge treated in the PCN’s of Physical Education in the educational context of elementary school II of Pau dos Ferros? To reflect about this question we realized this research, which consists in a qualitative study conducted in five public schools of that city who offer the elementary school II. The research subjects were the Physical Education teachers who work in these schools. For data collection was done field research, using as instruments the observation and interview. In the analysis of the results identified that the integration of knowledge proposed by PCN’s to be approached in school is still incipient in the locus and corpus investigated. In a more timely way, because of the lessons organize themselves into theoretical and practical, often at times and in different places, the knowledge treaties end up being specified from this temporal and spatial organization. In classes, such practices, predominate the deal with the procedural dimension of the contents and in the theoretical, conceptual. It is minimal the organization of the class in which the conceptual and procedural dimensions are actually present and articulated, which shows a fragmentation of knowledge. The sport emerges as know significantly present in practice lectures, while in theoretical lectures, there is a greater diversity apparently. There, issues relatives are addressed, also to sports, but add knowledge about the body training, to transversal issues among others. What could initially be said to like the expansion of possibilities to know, value and appreciate different manifestations of the body culture and of the movement or its to approach dialogically, not actualize in fact, because the sport keeps hegemonic and other knowledge only come eventually and much less intense. Another aspect to consider is that the third dimension presented by the PCN’s, attitudinal, not figure clearly, which makes the learning, proportionate by this dimension, emerged through a hidden curriculum. It was found also that the teachers, although know the proposal of the PCN’s, do not present a consistent thorough knowledge theoretical and practical of it, which hinders their integration in the school. Finally, it must be noted that it was revealed in this research, didactic actions that approach and begin, little by little, to overcome the practices of school Physical Education guided in traditional teaching. Something that still takes time. Are still present in the formative history of significant part of professional trainers and acting in school, but that, in our view, begin to change, albeit slowly, and to form a new scenario for Physical Education in Brazil.
Description: Orientação: Maria das Graças Ataíde ; co-orientação: José Viegas Brás
URI: http://hdl.handle.net/10437/6699
Date: 2015


Files in this item

Files Size Format View Description
ana alice 10 out 2015.pdf 1.398Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account