Potenciais interações plantas - medicamentos encontradas em utentes de uma farmácia comunitária

DSpace/Manakin Repository

Potenciais interações plantas - medicamentos encontradas em utentes de uma farmácia comunitária

Show full item record

Title: Potenciais interações plantas - medicamentos encontradas em utentes de uma farmácia comunitária;
Potential herb-drug interactions found in a community pharmacy patients
Author: Batista, C.; Pinho, C.; Castel-Branco, Maria Margarida; Caramona, Margarida; Figueiredo, I.
Abstract: A fitoterapia desempenha um papel preponderante ao nível da terapêutica. Mas só um forte conhecimento da relação benefício-risco dos produtos à base de plantas, por parte dos doentes e profissionais de saúde, permite retirar um máximo benefício desta terapêutica. Foram objetivos deste trabalho a caracterização do padrão de consumo de plantas medicinais em utentes de uma farmácia comunitária, a identificação de potenciais interações planta-medicamento e a criação de uma lista de recomendações para o profissional de saúde e/ou doente, a fim de reduzir/evitar resultados clínicos negativos decorrentes da ocorrência dessas interações. Numa amostra de 25 utentes foram detetados 24 casos de potenciais interações planta-medicamento. A maioria dos casos correspondeu à toma concomitante de um medicamento convencional com Ginkgo. A lista de recomendações envolveu a monitorização da efetividade e segurança da terapêutica convencional associada ao uso de plantas medicinais, com destaque para a monitorização clínica e laboratorial da ocorrência de hemorragias, da pressão arterial, glicémia e função hepática. Os resultados obtidos indicam que há ainda uma falta de conhecimento quanto aos riscos dos produtos à base de plantas, que pode influenciar negativamente a saúde de qualquer doente. O farmacêutico está em situação privilegiada para a sensibilização da população, evitando situações prejudiciais para a saúde do doente.Phytotherapy has always played a leading role in therapeutics. However, a strong knowledge of the risk-benefit relationship of herbal products by patients and health professionals is necessary. The goals of this study were to characterize the consumption pattern of medicinal plants in patients in a community pharmacy, identify potential herb-drug interactions, and establish a list of recommendations for health professionals and/or patients in order to prevent/minimize negative outcomes arising from these interactions. In a sample of 25 patients, 24 cases of potential herb-drug interactions were detected. Most of the cases corresponded to the simultaneous use of a conventional medication with Ginkgo. The recommendation list involved monitoring the effectiveness and safety of conventional therapy associated with the use of medicinal plants, with particular focus on clinical and laboratory monitoring of the occurrence of bleeding, blood pressure, glycaemia and liver function. The results indicate that there is still a lack of knowledge about the possible risks of herbal products, which may adversely affect patient’s health. The pharmacist is in prime position to raise awareness in the population, avoiding harmful situations for the patient's health.
URI: http://hdl.handle.net/10437/6650
Date: 2015


Files in this item

Files Size Format View
art3_12n1.pdf 455.1Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account