Autoeficácia, depressão e satisfação em militares do Exército Português

DSpace/Manakin Repository

Autoeficácia, depressão e satisfação em militares do Exército Português

Show full item record

Title: Autoeficácia, depressão e satisfação em militares do Exército Português
Author: Peres, Cândido Encarnação
Abstract: Foi objetivo estabelecer um modelo explicativo da autoeficácia em militares que desempenham a sua missão em território insular. Foi recolhida uma amostra de 276 militares pertencentes ao exército Português da Zona Militar dos Açores, colocados no ativo, 83.3% homens e 16.7% mulheres e com idades compreendidas entre os 18 e os 34 anos. Foram utilizados como medidas de avaliação questionário sociodemográfico, a escala de autoeficácia de Ribeiro (n.d.), a Escala de Depressão da EADS-21 (Ribeiro, Honrado & Leal, 2004) e a Escala de satisfação com suporte social (Ribeiro, 1995). Os resultados mostraram que as mulheres apresentam mais satisfação com os amigos e com a intimidade, menos satisfação com a família e menos depressão; que os militares mais novos, casados e com maior escolaridade apresentam maior satisfação com o suporte social; que os militares com mais sintomatologia depressiva apresentam menor autoeficácia e menor satisfação com o suporte social; e que os militares com maior satisfação com o suporte social apresentam maior autoeficácia. Conclui-se que seja possível que o meio militar tenha particularidades que influenciem a satisfação com o suporte social e que parece possível prever a autoeficácia através da depressão, satisfação com a intimidade, satisfação com os amigos, sexo e distanciamento da família.Our aim was to establish an explanatory model of self-efficacy in militaries in mission in a island territory. A sample of 276 soldiers belonging to the Portuguese Army Military Region of the Azores, placed on active, 83.3% men and 16.7% women was collected and aged between 18 and 34 years. Were used as measures a sociodemographic questionnaire, the scale of self-efficacy (Ribeiro, n.d.), the Scale for Depression EADS-21 (Ribeiro, Honrado & Leal, 2004) and the Scale social support satisfaction (Ribeiro, 1995). The results showed that women had more satisfaction with friends and intimacy, less satisfaction with family and less depression; that younger, married and with higher education have greater satisfaction with social support; the military with more depressive symptoms have lower self-efficacy and lower satisfaction with social support; and the military with higher satisfaction with social support have higher self-efficacy. We conclude that it is possible that the military environment has characteristics that influence satisfaction with social support and it seems possible to predict self-efficacy through depression, satisfaction with intimacy, satisfaction with friends, sex and distance from the family.
Description: Orientação: Miguel Faria
URI: http://hdl.handle.net/10437/6331
Date: 2014


Files in this item

Files Size Format View Description
Tese Candido Pe ... do Exército Português.pdf 951.5Kb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account