Carl Einstein e a força da arte 

DSpace/Manakin Repository

Carl Einstein e a força da arte 

Show full item record

Title: Carl Einstein e a força da arte 
Author: Miranda, José Bragança de
Abstract: Com a morte de Carl Einstein, em 1940, consumou-se um desaparecimento voluntário, a que está sempre ligado uma secreta vontade de desaparecer e de não deixar traços. Com o desprezo pelo «eu» que caracterizou aqueles que assistiram ao colapso da revolução europeia, Einstein entregava-se ao comum, à gramática colectiva, a que ele próprio se refere no extraordinário epitáfio que dedicou a Durruti1. Ele é um habitante de essa memória do comum e da sua gramática universal, envolto por uma cortina de silêncio que se abateu sobre ele, e que durou demasiadamente.
URI: http://hdl.handle.net/10437/6072
Date: 2012


Files in this item

Files Size Format View Description
JBMiranda.pdf 87.72Kb PDF View/Open Artigo

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account