Avaliação do desempenho biológico de juvenis da espécie seriola rivoliana (valenciennes, 1833) submetidos a diferentes condições de cultivo

DSpace/Manakin Repository

Avaliação do desempenho biológico de juvenis da espécie seriola rivoliana (valenciennes, 1833) submetidos a diferentes condições de cultivo

Show full item record

Title: Avaliação do desempenho biológico de juvenis da espécie seriola rivoliana (valenciennes, 1833) submetidos a diferentes condições de cultivo
Author: Antunes, Ana Patrícia da Silva
Abstract: A espécie Seriola rivoliana possui um potencial elevado para a diversificação da aquacultura europeia. O presente estudo pretendeu avaliar a influência de duas condições de produção diferentes no desempenho biológico desta espécie, durante um período de um mês. Avaliou-se a sobrevivência, peso ganho, biomassa ganha, ingestão alimentar, SGR, FCR, bioquímica, ácidos gordos e a histologia do fígado. Para esta investigação dividiram-se os juvenis em dois grupos, sujeitando-se um grupo à condição de 21ºC em OPS (condição 1) e outro à condição de 26ºC em RAS (condição 2). O peso médio inicial foi de 22,71±0,99g e 20,86±0,89g respectivamente, para cada condição realizaram-se três ensaios. Os grupos foram sujeitos a um regime de alimentação ad libitum. No final dos ensaios os juvenis atingiram um crescimento directamente proporcional à temperatura, com ganhos de peso finais de 17,19±1,03 e 35,71±1,51g nas condições 1 e 2 respectivamente. A biomassa média ganha por tanque foi de 76% (condição 1) e de 171% (condição 2). O SGR foi de 1,88 % (condição 1) e 3,32 % (condição 2). O FCR foi inversamente proporcional à temperatura 1,19 (condição 1) e 1,09 (condição 2), o que demonstra a existência de um melhor aproveitamento do alimento na temperatura mais elevada e RAS. A sobrevivência não foi afectada pelos parâmetros. Analisando os dados obtidos conclui-se que neste estudo a condição 2 aparenta ser a mais adaptada à produção a níveis industriais de juvenis de S. rivoliana em aquacultura.The Seriola rivoliana species have a high potential for diversification of European aquaculture. The aim of the present study was to evaluate the influence of two different production conditions in the biological aspects of this species over a period of a month. We evaluated the survival, weight gain, biomass gain, feed intake, SGR, FCR, biochemical, fatty acids and liver histology. For this research the juveniles were divided into two groups per triplicate, one group being subject to the condition of 21 ° C in OPS (condition 1) and the other at 26 ° C in RAS (condition 2). The average initial weight was 22.71 ± 0.99 g and 20.86 ± 0.89 g respectively. The groups were subjected to a regime of ad libitum feeding. At the end of testing the juveniles reached a growth directly proportional to temperature, with gains in final weight of 17.19 ± 1.03 and 35.71 ± 1,51g conditions 1 and 2 respectively. The average biomass gain per tank was 76% (condition 1) and 171% (condition 2). The SGR was 1.88% (condition 1) and 3.32% (condition 2). The FCR was inversely proportional to temperature 1.19 (condition 1) and 1.09 (condition 2), demonstrating the existence of a better feeding use in higher temperature and RAS. Survival was not affected by the parameters. Analysing the data obtained it is concluded that according this study the second condition (26ºC and RAS) appears to be more suitable to production of juvenile S. rivoliana.
Description: Orientação: Ana Godinho; Co-orientação: Pedro Mestre ; Orientadores externos: Maria José Caballero e Francisco Javier Roo
URI: http://hdl.handle.net/10437/5941
Date: 2014


Files in this item

Files Size Format View
Temporario.pdf 12.34Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account