Monitorização da glicémia através de glucómetros em canídeos. Comparação e identificação de variáveis que possam influenciar a sua medição

DSpace/Manakin Repository

Monitorização da glicémia através de glucómetros em canídeos. Comparação e identificação de variáveis que possam influenciar a sua medição

Show full item record

Title: Monitorização da glicémia através de glucómetros em canídeos. Comparação e identificação de variáveis que possam influenciar a sua medição
Author: Antunes, Tânia Filipa Miguel
Abstract: A medição da glicémia na prática clinica permite auxiliar no diagnóstico e terapêutica de determinadas condições patológicas. Objectivo: Comparar os valores da concentração de glucose sanguínea, entre amostras da veia jugular externa e cefálica em cães, utilizando 2 glucómetros portáteis para humanos; comparar e avaliar a diferença entre valores de glicémia registados para cada local de colheita; aludir aos factores que podem induzir erros na precisão dos resultados. Material e Métodos: Na realização deste estudo utilizaram-se dois glucómetros, para medição da glicémia, OneTouch® VerioTMPro (Lifescan, Johnson & Johnson, Lda.) (máquina1) e Accu-Chek® Aviva (Roche Sistemas de Diagnósticos, Lda.) (máquina2). A amostra populacional compreende uma amostra de 99 cães, de idades, peso e raças diversificadas, assistidos no Hospital Veterinário Montenegro no Porto e dividida num grupo controlo/saudáveis (49 canídeos) e num grupo de estudo/doentes (50 canídeos). Resultados: Efectuou-se a estatística descritiva da população e de cada grupo, para cada veia em ambos os glucómetros. Procedeu-se à estatística inferencial: para a população e grupo de estudo, verificaram-se diferenças significativas (p>0,05) entre valores das duas veias na máquina 1 e 2; no grupo controlo, não houve discrepância de valores entre veias na máquina 2 (p=0,685). Compararam-se os registos glicémicos entre glucómetros, para cada local de colheita e confirmou-se a sua similaridade na veia cefálica, para a população e nos dois grupos (p>0,05). Na veia jugular, o mesmo não se concretizou apenas para o grupo controlo (p<0,05). Discussão/conclusão: A máquina 1 e 2 registaram valores médios de glicémia superiores na veia jugular, que conduziram a leituras significativamente diferentes entre as veias. As leituras da glicémia da máquina 2 revelaram-se maioritariamente superiores às da máquina1, mas ambos apresentaram, estatisticamente, registos relativamente próximos entre si. No entanto, concluiu-se que a escolha do local de colheita e do glucómetro bem como todas as variáveis que podem interferir com a precisão dos resultados, devem ser equacionadas e controladas. Sugere-se a padronização no procedimento quanto à escolha do local de colheita sanguínea e quanto à do glucómetro. Se obtidos níveis duvidosos, deve repetir-se a leitura ou recorrer a um método de referência.     The measure of the glycaemia in the clinical practice allows to support on the diagnosis and therapeutic of certain pathological conditions. Objective: Compare the values of blood glucose concentration between samples of the external jugular and cephalic veins in dogs, using two portable glucometers for humans; compare and evaluate the difference between the glycaemia values recorded in each sample site; and mention the factors that can lead to errors in the accuracy of the results. Material and Methods: In this study, two glucometers were used for measurement of glucose levels, OneTouch ® VerioTMPro (LifeScan, Johnson & Johnson, Lda.. (machine1) and Accu-Chek ® Aviva (Roche Sistemas de Diagnósticos, Lda.) (machine2). The population sample comprises a sample of 99 dogs, of several ages, weights and breeds, assisted in the Montenegro Veterinary Hospital in Porto and divided into a control/healthy group (49 canids) and a group of sick animals (50 canids). Results: The descriptive statistic of the population and of each group was made, for each vein in both glucometers. In concern to the inferential statistic: there were significant differences for the population and study group (p>0.05) between values of the two veins on machine 1 and 2; in the control group, there wasn’t discrepancy of values between veins on machine 2 (p=0.685). After comparison of glycemic records between glucometers, for each sample site, it was confirmed the similarity in the cephalic vein, for both population and study groups (p>0.05). In the jugular vein, the same didn’t happen only for the control group (p<0.05). Discussion/conclusion: Machine 1 and 2 recorded higher average blood glucose values in the jugular vein, which led to significantly different readings between the veins. The glycaemia readings of machine 2 proved to be largely superior to the machine 1, but both presented, statistically, records relatively close together. However, it was found that the choice of the sample site and the glucometer as well as all the variables which can interfere with the accuracy of the results, should be equated and controlled. It is suggested the standardization of the procedure when it concerns to the choice of the blood sample site and to the glucometer. If obtained dubious levels, the reading must be repeated or it must use a reference method.
Description: Orientação: Nuno Cardoso; co-orientação: António Martinho Lopes
URI: http://hdl.handle.net/10437/5771
Date: 2014


Files in this item

Files Size Format View Description
Tese final Tânia Antunes_format com erratas.pdf 1.401Mb PDF View/Open Dissertação de Mestrado

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account