Diz-me como ages, dir-te-ei quem és’: João Couto e a génese do Museu -Biblioteca Condes de Castro de Guimarães, em Cascais

DSpace/Manakin Repository

Diz-me como ages, dir-te-ei quem és’: João Couto e a génese do Museu -Biblioteca Condes de Castro de Guimarães, em Cascais

Show full item record

Title: Diz-me como ages, dir-te-ei quem és’: João Couto e a génese do Museu -Biblioteca Condes de Castro de Guimarães, em Cascais
Author: Almeida, Maria Mota
Abstract: Este artigo baseia-se, parcialmente, na investigação elaborada no âmbito da Tese de Doutoramento em Museologia. Centra-se no ‘estudo de caso’ de um processo museológico de raiz local: o Museu - Biblioteca Condes de Castro Guimarães, única instituição museal no concelho de Cascais durante meio século. Tendo como base epistemológica o campo de investigação da Sociomuseologia, partindo de fontes primárias, secundárias e de bibliografia complementar, procurou-se apreender a forma como o primeiro responsável desta instituição pensou, percebeu e construiu, na sua génese, a função museológica. A pesquisa orientou-se numa dupla vertente: por um lado, estudou-se, mediante a metodologia de análise de conteúdo, o pensamento e a ação do conservador João Couto; por outro, procedeu-se ao historial do museu, dos anos 30 aos anos 40 do século XX, o que permitiu compreender que, desde muito cedo, a função social e educativa esteve presente através de uma proposta que se foi construindo ao longo das décadas. Demonstrou-se a relevância do contributo do conservador para a construção de uma instituição cultural mais próxima da comunidade, destacando o pioneirismo das práticas de cariz social, cultural e educativo que, posteriormente, se refletiu no desenvolvimento do seu trabalho no Museu Nacional de Arte Antiga, em Lisboa.This paper summarizes part of the research developed under the Doctoral Thesis in Museology. It focuses on the 'case study' of a local root museum process: Museu – Biblioteca Condes de Castro Guimarães, the sole institution museum in Cascais for half a century. Based on the epistemological field on Socio-museology research, upon primary sources, secondary and complementary bibliography, we tried to comprehend how the main founders of this institution thought, perceived and established the museological function at its origins. The research was developed in two complementary orientations: on one hand we studied the thoughts and actions of the museum curator João Couto through the content analysis methodology of their scholarly previously published texts. In parallel, we studied the history of the museum starting from the 1930s until the 1940s. This allowed us to perceive that, very early, the social and educational functions were present and continued to be developed over the decades that followed. We demonstrate the relevance of the curator’s work in the the construction of a cultural institution, engaging in social, cultural, and educational pioneering practices to benefit the community, and that we believe influenced the work of Museu Nacional de Arte Antiga, in Lisbon.
URI: http://hdl.handle.net/10437/5446
Date: 2014


Files in this item

Files Size Format View Description
Diz-me como ages.pdf 952.9Kb PDF View/Open Artigo

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account