Substâncias cosmetologicamente activas caracterização, indicação, eficácia e segurança : cafeína

DSpace/Manakin Repository

Substâncias cosmetologicamente activas caracterização, indicação, eficácia e segurança : cafeína

Show full item record

Title: Substâncias cosmetologicamente activas caracterização, indicação, eficácia e segurança : cafeína;
Cosmetologically active substances characterization, indication, efficacy and safety : caffeine
Author: Ramalho, Ana Teresa; Curvelo, Susana
Abstract: A cafeína é usada em formulações cosméticas tópicas para tratamento da Paniculopatia Esclero Edematosa (PEE), em concentrações de 1-2%, embora existam no mercado formulações com 5%. Estudos in vitro têm demonstrado que a cafeína estimula a lipólise e a redução de tamanho dos adipócitos, através do aumento dos níveis de AMPc. As características físico-químicas da cafeína dificultam a transposição da barreira cutânea, nomeadamente do estrato córneo, etapa limitante da penetração cutânea. Existem vários factores envolvidos na fisiopatologia da PEE nomeadamente genéticos, hormonais e estilos de vida, que parecem actuar em quatro unidades funcionais do tecido adiposo: unidade interstício-matricial, unidade microcirculatória, unidade neuro-vegetativa e unidade energética. Os formuladores privilegiam o desenvolvimento de formulações cosméticas tópicas, que incorporem ingredientes activos com acção sobre a estimulação do fluxo microvascular e linfático por um lado e, por outro lado, que actuem directa ou indirectamente nos mecanismos reguladores da lipólise. Desenvolvem-se formulações cosméticas tópicas, constituídas por substâncias que promovam a penetração cutâneo, e utilizam-se veículos que depositem de uma forma direccionada, e em maior quantidade os ingredientes activos no local de acção.Caffeine is used in topic cosmetic formulations for the treatment of Oedemato-Fibrosclerotic Paniculopathy (OFP), in concentrations of 1-2%, despite the fact that there are formulations with concentrations of 5%. Studies in vitro have demonstrated that caffeine stimulates lipolysis and a reduction of the size of the adipocytes, through an increase in intracellular cAMP levels. The physicochemical characteristics of caffeine make the transposition of the cutaneous barrier difficult, specially the stratum corneum, considered the limiting stage of the process. Some factors involved in the physiopathology of the OFP as genetic, hormonal and related with life style, which seems to act in four functional units of the fatty tissue matricial-interstitial unit, microcirculatory unit, neuro-adrenergic unit and energy-fatty unit. Formulators tend to develop topical cosmetic formulations, which incorporate active ingredients with a role on the stimulation of the microvascular and lymphatic flow acting directly or indirectly in the regulatory mechanisms of lipolysis. Topical cosmetic formulations also contain penetration enhancers and vehicles used to deliver higher concentrations of ingredients to the subcutaneous layers of the skin.
Description: Revista Lusófona de Ciências e Tecnologias da Saúde
URI: http://hdl.handle.net/10437/449
Date: 2006


Files in this item

Files Size Format View
cbf1_06.pdf 1.113Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account