Inefectividade quantitativa dos antagonistas dos receptores adrenérgicos beta 1 numa doente idosa : caso clínico de seguimento farmacoterapêutico

DSpace/Manakin Repository

Inefectividade quantitativa dos antagonistas dos receptores adrenérgicos beta 1 numa doente idosa : caso clínico de seguimento farmacoterapêutico

Show full item record

Title: Inefectividade quantitativa dos antagonistas dos receptores adrenérgicos beta 1 numa doente idosa : caso clínico de seguimento farmacoterapêutico;
Quantitative ineffectiveness of a beta-adrenoceptor blocking drug in an elderly woman : a pharmacotherapy follow-up case
Author: Fitas, Manuel
Abstract: Introdução: O Seguimento Farmacoterapêutico é um processo através do qual o farmacêutico coopera com o paciente e outros profissionais de saúde mediante a elaboração, execução e monitorização de um plano terapêutico tendo em vista a obtenção de resultados específicos (efectividade e segurança) para o doente. Materiais e Métodos: Foi avaliada a farmacoterapia de um doente em seguimento farmacoterapêutico, sujeito a terapêutica com antagonistas dos receptores adrenérgicos ß1, pelo Método Dáder. Foi detectado um PRM 4 resultado de uma inefectividade quantitativa (aumento da frequência cardíaca) devida à interrupção abrupta do medicamento. Resultados: Após a intervenção farmacêutica, o doente retomou a medicação como tinha sido prescrita pelo médico e os valores da frequência cardíaca normalizaram (60 bpm). Discussão e Conclusão: Segundo a literatura, a interrupção súbita dos antagonistas adrenérgicos ß1 pode originar, nas 36 a 72h seguintes, uma hiper-reactividade adrenérgica traduzida por taquicardia. O seguimento farmacoterapêutico demonstrou ser um bom instrumento para melhorar a efectividade dos medicamentos utilizados pelos doentes.Introduction: The follow-up in pharmacotherapy, using the Dader Method, is a process where the pharmacist interacts with a patient and other health professionals by means of a therapeutic plan with the main purpose of improving the effectiveness and safety of the patient's pharmacotherapy. Materials and Methods: The pharmacotherapy of a patient in a drug therapy follow-up, who was prescribed a ß1-adrenoreceptor blocking drug, was evaluated using the Second Consensus of Granada on Pharmacotherapy Failure and the Dader Method. A PRM 4 was detected which resulted from quantitative ineffectiveness (increased heart rate), caused by an abrupt withdrawal of the ß-adrenergic receptor anatagonist drug. Results: After the pharmacist's intervention, the patient restarted the medication and the heart rate lowered to a normal beat (60 bpm). Discussion and conclusion: According to the bibliography, the sudden withdrawal of a ß1-adrenoreceptor blocking drug can produce strong adrenergic hyperreactivity, that includes increased heart rate, 36-72 hours after drug cessation. The Dader Method has proven to be a useful tool in improving the effectiveness of drugs taken by patients.
Description: Revista Lusófona de Ciências e Tecnologias da Saúde
URI: http://hdl.handle.net/10437/439
Date: 2006


Files in this item

Files Size Format View
art_8.pdf 322.5Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account