Stresse em expatriados : transpor as fronteiras de si

DSpace/Manakin Repository

Stresse em expatriados : transpor as fronteiras de si

Show full item record

Title: Stresse em expatriados : transpor as fronteiras de si
Author: Guedes, Bruno Miguel Duarte
Abstract: Esta investigação teve como objetivo avaliar a perceção da Qualidade de Vida nas suas várias dimensões, e como esta pode estar associada à Satisfação no Trabalho. Pretende-se avaliar ainda a relação entre Stresse e a Satisfação no Trabalho, assim como a relação entre perceção do trabalho em contexto de expatriação e a satisfação no trabalho. Na recolha dos dados na plataforma on-line Qualtrics obtivemos 101 questionários válidos. O questionário é constituído pelas seguintes escalas: a WHOQOL-Bref, a 23 QVS de Vaz Serra (2000a), cinco itens da escala de satisfação do trabalho de Lima e colaboradores (1994), e o questionário de expatriados de Camara (2011). Os resultados permitiram concluir que a satisfação com a expatriação apresenta uma relação positiva com a qualidade de vida, assim como também é positiva a relação da satisfação com a perceção do contexto de expatriação. Encontra-se também uma relação negativa da satisfação com o stresse. Com base nos resultados obtidos concluiu-se que a satisfação no trabalho com um processo de expatriação no ponto de vista de quem é o expatriado, depende de vários elementos combinados, sendo, todavia, a maior responsabilidade deste processo atribuída à qualidade de vida.This study aimed to evaluate the perception of quality of life in its various dimensions, and how this can be associated with job satisfaction. It aims also to evaluate the relationship between stress and job satisfaction and to assess the relationship between perception of work in the context of expatriation and job satisfaction. In collecting data on the on-line Qualtrics platform we obtained 101 valid questionnaires. The questionnaire consists of the following scales: the WHOQOL-Bref, 23 QVS - Vaz Serra (2000), five items from the scale of job satisfaction - Lima and collaborators (1994) and the expatriates questionnaire from Camara (2011). The results showed that satisfaction with expatriation presents a positive relationship with quality of life, as well as a positive relationship of satisfaction with the perception of the context of expatriation. It also finds a negative relationship of satisfaction with stress. Based on the results obtained, it was concluded that from the point of view of the expatriate, job satisfaction with a process of expatriation depends on various elements combined, the main responsibility of this process being, nonetheless, attributed to quality of life.
Description: Orientação : Ana Luísa Loureiro ; Co-orientação : Fernando Branco
URI: http://hdl.handle.net/10437/3662
Date: 2012


Files in this item

Files Size Format View
Dissertaca.pdf 788.1Kb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account