Desmite dos Ligamentos Colaterais da Articulação Interfalângica Distal em Equinos

DSpace/Manakin Repository

Desmite dos Ligamentos Colaterais da Articulação Interfalângica Distal em Equinos

Show full item record

Title: Desmite dos Ligamentos Colaterais da Articulação Interfalângica Distal em Equinos
Author: Macedo, Diogo Gabriel Hipólito
Abstract: Os objectivos deste estudo basearam-se na análise dos aspectos clínicos de cavalos de desporto, aos quais foi diagnosticado através de ecografia, desmite dos Ligamentos Colaterais (LCs) da articulação Interfalângica Distal (IFD). Os cavalos incluídos na amostra foram examinados entre Setembro de 2011 e Junho de 2012 tendo sido selecionados aqueles que apresentaram os critérios de inclusão requeridos, nomeadamente o diagnóstico de desmite em pelo menos um dos LCs da articulação IFD. Foram incluídos 8 animais no estudo, sendo que o diagnóstico foi feito através de um cuidadoso exame ortopédico e de ecografia, tendo-se verificado as lesões nos membros anteriores. O LC Lateral foi o mais afectado (5 cavalos) seguido do Medial (2 cavalos). Apenas em 1 dos casos as lesões eram bilaterais. A maioria dos animais apresentavam distensão da articulação IFD confirmada ecograficamente. A claudicação foi invariavelmente exacerbada em círculo no piso duro, sendo que 7 dos 8 (87.5%) animais aumentaram o grau de claudicação quando o membro afectado estava no interior do círculo. Após o bloqueio digital palmar a claudicação foi atenuada em 7 dos 8 animais (87.5%) sendo totalmente abolida em 3 (37.5%) deles. O bloqueio da articulação IFD foi positivo em todos os animais, e o bloqueio da bursa podotroclear negativa em 7 dos 8 cavalos. Metade dos animais (50%) apresentaram alterações radiográficas como osteoartrite da articulação IFD, remodelação óssea da origem/inserção do LC afectado e um deles apresentava ossificação de uma cartilagem ungular. Todos os animais apresentaram sinais evidentes de lesão na ecografia, sendo que alguns demostraram sinais de desmite crónica e outros aguda. Os tratamentos instituídos variaram de acordo com a história, sinais clínicos, sinais radiográficos e severidade das lesões ecográficas. A desmite dos LC da articulação IFD deve ser considerada como uma causa de claudicação que afecta a performance dos cavalos de desporto. Mais estudos são necessários, de modo a caraterizar melhor estas lesões e avaliar as melhorias após a terapia por forma a determinar os factores que mais influenciam o prognóstico. Palavras-Chave: Equinos, Ligamentos colaterais, Desmite, articulação Interfalângica distalThe reasons for performing this study were to describe clinical features of sport horses with desmitis of the collateral ligaments of distal interphalangeal joint diagnosed by ultrasonography. Horses were examined between September 2011 and June 2012, and were selected for inclusion in the study if there was unequivocal evidence of collateral ligaments desmitis of the distal interphalangeal joint based on ultrasonography. The eigth horses that were include in this study had forelimb injuries. The Lateral collateral ligament was injured most frequently (5 horses), followed by Medial collateral ligament (2 horses). Only one horse had bilateral lesions. In the majority of horses was seen distension of distal interphalangeal joint. Lameness was invariably worse in circles and hard surface. In 7 of 8 horses lameness was worse when the lame limb was on inside the circle. Lameness was improved by palmar digital nerve analgesia in 7 of 8 horses (87.5%), but only 3 were completely sound. Intra-articular analgesia of distal interphalangeal joint produced improvement in all horses and analgesia of the navicular bursa showed negative response in 7 of the 8 horses. Half of the horses (50%) showed signs of radiographic abnormalities like osteoarthritis of distal interphalangeal joint, abnormalities related to collateral ligament attachments and one had ossification of collateral cartilage. All horses showed signs of ultrasonographic abnormalities, in some cases chronic lesions and in others acute lesions. Treatments were performed according history, clinical sings, radiographic and ultrasonographic abnormalities. Collateral Ligaments desmitis of distal interphalangeal joint should be considered as a cause of foot lameness in sport horses. More studys are necessary to characterize this kind of lesions and follow-up information is required to determine factores influencing prognosis.
Description: Orientação : João Paulo Gonçalves Borges ; co-orientação : Rita Fonseca
URI: http://hdl.handle.net/10437/3528
Date: 2013


Files in this item

Files Size Format View
Tese Diogo Macedo.pdf 2.203Mb PDF View/Open

This item appears in the following Collection(s)

Show full item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account